Mato Grosso

Nova unidade do Socioeducativo em Rondonópolis já está com 35% da obra concluída

Publicado

 

Lançada há dois meses, a obra da nova unidade do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), localizada em Rondonópolis (210 km ao Sul de Cuiabá), avança a passos largos. Aproximadamente 35% da estrutura que abrigará os adolescentes que cumprem medida socioeducativa já está concluída.

O Sistema Socioeducativo terá um aumento de 44 vagas, passando de 16 já existentes na unidade atual para 60 vagas disponibilizadas na nova estrutura. O local também contará com acessibilidade, tendo destinadas duas vagas a pessoas com deficiência.

Parte da estrutura que abrigará os jovens já está pronta. No total, 32 alojamentos serão disponibilizados em duas diferentes estruturas. O muro de proteção da unidade também já começou a ser levantado.

O espaço da nova unidade é de 2.949 m² de área construída. A estrutura também terá uma área destinada à parte administrativa, quadra de futebol com gramado, estacionamento para servidores, em um custo total de R$ 7,5 milhões, sendo R$ 2,5 milhões a menos do que o projeto inicial, realizado pela gestão passada.

O prazo de entrega também passou de 24 meses previstos no projeto inicial, para oito meses no atual. A construção do Case de Rondonópolis deu fim a 14 anos de judicialização, sendo que desde 2014 o recurso para a construção estava bloqueado.

A unidade atenderá jovens em conflito com a lei não só de Rondonópolis, mas também de toda a região Sul do estado. A ideia é que a estrutura sirva de modelo para as demais, que devem ser construídas até 2022: Tangará da Serra, Várzea Grande, Sinop, Barra do Garças, Cáceres e Cuiabá (em substituição ao de Várzea Grande).

Veja Mais:  Estado realiza testagem em massa de recuperandos de Cuiabá e Várzea Grande

Atual unidade

O Case de Rondonópolis já funciona desde 2009 em uma estrutura que abrigou a primeira Cadeia Pública de Rondonópolis. Atualmente, o local conta com 10 adolescentes.

Entre os projetos realizados na unidade estão o “Reciclando a Vida”, em que os jovens confeccionam camas com garrafa PET e pufes com a reutilização de pneus; “Compartilhando Experiências”, com a confecção de pães, bolos, pizzas, sabão caseiro e como já diz o nome, o conhecimento de um é compartilhado com os demais; o cultivo de hortaliças por meio da horta da unidade e o projeto de incentivo à leitura com a biblioteca da instituição.

“Os recursos que a gente tem para desenvolver estes projetos geralmente são doados pela promotora de Justiça, pela defensora pública, pela juíza e às vezes por parceiros de igrejas. Faltam empresas ou outras instituições que queiram investir nestes jovens”, explicou o gerente do Case, Robson Machado.

Um dos principais objetivos com a nova unidade é a busca por novas parcerias e, além disso, a reinserção destes jovens no mercado de trabalho. Exemplo disso foi um adolescente que passou pela unidade recentemente e que compartilhou sua experiência com os demais na confecção de pães. A unidade fez um documento atestando sua participação neste projeto.

De acordo com Robson, no período de pouco mais de um ano, dois adolescentes que passaram pela instituição já estão trabalhando com carteira assinada. E muito do que motivou a contratação destes jovens foi a participação nos projetos desenvolvidos no Case.

Veja Mais:  1ª live do ciclo de palestras virtuais sobre eleições 2020 tem quase 500 visualizações

A secretária-adjunta de Justiça, Lenice Barbosa, explica que a ideia é unir o potencial industrial que a cidade de Rondonópolis possui para promover a reinserção e evitar possíveis reincidências destes adolescentes.

“Como é um polo industrial e produtivo, a ideia em Rondonópolis é a gente ofertar cursos para essa área de atuação, podendo prever parcerias com o Sistema S, para que a gente possa inserir nesse adolescente a vontade de estudar, de trabalhar e de se prover com este trabalho”, pontuou.

Fonte: GOV MT

Mato Grosso

Secretária do TCE-MT ministra palestra para adolescentes de Tocantins

Publicado


A secretária de Articulação Institucional e Desenvolvimento da Cidadania do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), Cassyra Vuolo, ministra palestra nesta segunda-feira (19), às 18h, para adolescentes do Estado de Tocantins, durante live promovida pelo Observatório Social de Palmas (TO).

Com o tema “Tenho 16, por que devo ir votar?”, Cassyra Vuolo falará durante 40 minutos. A live será transmitida no instagram do Observatório Social de Palmas (https://instagram.com/osbpalmas?igshid=1668jl1vn16ci) e tem como público alvo, jovens que irão votar pela primeira vez nas eleições deste ano. O público estimado é de 30 pessoas.

A abertura da live será feita pela coordenadora do Observatório Social de Palmas, Sandra Cristina Ramos Monteiro.

 

Kleverson Souza
Secretaria de Comunicação/TCE-MT
E-mail: [email protected]

Fonte: TCE MT

Veja Mais:  1ª live do ciclo de palestras virtuais sobre eleições 2020 tem quase 500 visualizações
Continue lendo

Mato Grosso

1ª live do ciclo de palestras virtuais sobre eleições 2020 tem quase 500 visualizações

Publicado

Propaganda Eleitoral e Condutas Vedadas, esse foi o tema da primeira live do ciclo de palestras virtuais “Eleições 2020”, promovido em parceria pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) e pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), a fim de orientar candidatos e assessores técnicos, contábeis e jurídicos para o período eleitoral deste ano. Realizada nesta segunda-feira (19), a live contou com quase 500 visualizações entre YouTube e Facebook e pode ser acessada na íntegra aqui.

Ao fazer a abertura, o presidente do TCE-MT, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, ressaltou a importância da ação conjunta entre o TRE-MT e a Escola Superior de Contas do TCE-MT, cuja parceria irá se estender para após o período eleitoral.

“O momento é diferenciado e o TCE-MT está procurando se aproximar. Não mais ficar restrito apenas ao julgamento de contas, mas auxiliar na auditoria das contas eleitorais, temos recursos públicos investidos nas eleições e precisamos dar transparência à população, dar nossa colaboração, capacitar os gestores para que possamos ter uma gestão melhor, uma cidadania mais plena e uma democracia mais forte”, declarou o presidente.

Juiz auxiliar da Presidência do TRE-MT e coordenador dos Atos da Propaganda Eleitoral, Lídio Modesto foi o palestrante desta segunda-feira e abordou os princípios que norteiam as condutas vedadas nas eleições, citou exemplos e penalidades, fez apontamentos sobre a propaganda eleitoral, o que pode e o que não pode, bem como a respeito do objetivo e das consequências do fim das coligações proporcionais.

Veja Mais:  Todos os 141 municípios de Mato Grosso permanecem com risco baixo de contaminação da Covid-19

O magistrado também falou sobre a influência das propagandas eleitorais no eleitor e os artifícios que configuram Fake News. “Precisamos criar a cultura da checagem. Existe escalada de desinformação, de notícias falsas e isso tem influência direta no nosso processo de escolha. Hoje em dia, somos manipulados no processo de escolha e isso, com relação a nossa liberdade de expressão, faz com que o sistema representativo brasileiro seja desconfigurado. Você se faz representar por uma escolha viciada, orientada com aquilo que efetivamente você não pensa. A consequência maior disso, além de fragilizar o processo representativo, é fragilizar nossa democracia. Minha recomendação é: se for Fake News não compartilhe, não transmita”.

Lídio Modesto ressaltou ainda o valor do ciclo de palestras promovido pelo TCE-MT e pelo TRE-MT. “Essa experiência será bastante enriquecedora. O TCE-MT é vanguardista no Estado no sentido de investir naquilo que efetivamente precisa ser feito, na qualidade do servidor público. A meritocracia cobra condutas mais aprimoradas, técnicas e profissionais e o Tribunal de Contas investe nisso”.

Próximas lives

As lives continuam nesta terça e quarta-feira (20 e 21) e as inscrições podem ser feitas pelo site do TCE-MT (clique aqui).Haverá certificado de 2 horas para os participantes que se inscreverem e estiverem logados no Portal do Aluno (clique aqui).

Nesta terça-feira, o tema abordado será “Inovações da Legislação Eleitoral e Financiamento de Campanha”. Com início às 14h30, a palestra será ministrada pela servidora aposentada do TRE-MT, Marli Osorski, e a abertura será realizada pelo procurador do Ministério Público de Contas (MPC), Getulio Velasco Moreira Filho.

Veja Mais:  Estado realiza testagem em massa de recuperandos de Cuiabá e Várzea Grande

Já na quarta-feira (21), com o tema “Prestação de Contas, SPCE e demais sistemas”, a live terá início às 9h30 e terá como palestrante Rodrigo Martins, chefe da Seção de Análise e Auditoria de Contas Partidárias. A abertura será feita pelo conselheiro interino do TCE-MT, Luiz Carlos Pereira.

Continue lendo

Mato Grosso

Estado realiza testagem em massa de recuperandos de Cuiabá e Várzea Grande

Publicado


A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio da Adjunta de Administração Penitenciária, está promovendo a testagem em massa para diagnóstico do novo coronavírus (Covid-19) em recuperandos e servidores das unidades penais de Cuiabá e de Várzea Grande. 

No último sábado (17.10), cerca de 130 reeducandas da Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May fizeram o teste rápido, na unidade penal. A aplicação foi feita pelos profissionais da saúde que atuam no Centro de Triagem de Covid-19, que está funcionando na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Já os 25 presos do Centro de Custódia de Cuiabá (CCC) já foram testados no dia 7 de setembro. Os demais reeducandos da Penitenciária Central do Estado (PCE), Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), em Cuiabá, e do Complexo Penitenciário Ahmenon Lemon Dantas e Cadeia Pública do Capão Grande, em Várzea Grande, serão testados nos próximos dias.

De acordo com o último Boletim Epidemiológico do Sistema Penitenciário de Mato Grosso, atualizado na última sexta-feira (16.10), há 32 casos ativos de Covid-19 em todas as 48 unidades penitenciárias. Este dado leva em consideração não só o número de pessoas privadas de liberdade, mas também de servidores que atuam nas unidades.

Fonte: GOV MT

Veja Mais:  Gamificação na educação é tema de videoconferência promovida pela Seduc; live ocorre nesta quarta-feira (21)
Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana