Policial

Polícia Civil conclui inquérito da operação Reditus com 57 alvos presos

Publicado


Assessoria | PJC-MT

 

A Polícia Judiciária Civil concluiu o inquérito policial da operação Reditus, deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Rondonópolis (212 km ao Sul), com objetivo de combater uma facção criminosa envolvida em diversos crimes como tráfico de drogas, tortura, roubas e corrupção de menores.

A operação foi deflagrada em dezembro de 2019, visando dar cumprimento a 108 ordens judiciais, sendo 67 mandados de prisão preventiva e 41 de busca e apreensão domiciliar. Durante os trabalhos, 57 alvos tiveram as ordens judiciais de prisão cumpridas, sendo 45 presos em Rondonópolis, 10 em Pedra Preta, um em Cuiabá e um na cidade Amambai, Mato Grosso do Sul.

A operação também resultou na apreensão de R$ 12 mil em dinheiro, 08 veículos (05 carros e 03 motocicletas), avaliados em R$ 300 mil, além do fechamento de dois estabelecimentos comerciais utilizados pelo grupo criminoso para lavagem de dinheiro e 18 volumes de informações produzidos durante a investigação.

O procedimento investigativo presidido pelo delegado Santiago Rozendo Sanches e Silva foi concluído, na quinta-feira (17), e encaminhado para 7ª Vara do Crime Organizado de Cuiabá. “Foi uma das maiores operações já realizadas em Rondonópolis, desarticulando o grupo criminoso que atuava no município e região, destacando a volta do controle estatal em regiões antes dominadas pelo crime”, disse o delegado.

Veja Mais:  Polícia Civil prende homem investigado por estupro de enteada, que tem necessidades especiais

Investigações

As diligências que resultaram na operação Reditus iniciaram em 2018 para apurar crimes de organização criminosa, tráfico de drogas, associação para o tráfico, tortura, roubos e corrupção de menores. Os trabalhos culminaram na identificação de suspeitos, alguns recolhidos em unidades prisionais de Rondonópolis e Cuiabá, e outros integrantes que circulavam livremente para região cometendo diversos crimes.

Conforme investigação da Polícia Civil de Rondonópolis, o grupo era bem estruturado e ordenado, com divisão de tarefas entre seus integrantes, responsável por grande parte das ocorrências praticadas na região do sul de Mato Grosso.

Durante monitoramento da associação, foi possível mapear o funcionamento, com a identificação dos membros e suas respectivas funções. As principais características dentro do grupo eram hierarquia, organização pré-definida com disciplina e gerentes, fluxo financeiro com pagamento de mensalidades, taxa sob o tráfico de droga, extorsão de empresários, entre outros.

 

Fonte: PJC MT

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de casal por latrocínio que vitimou idoso em Tangará da Serra

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

O casal apontado como principal suspeito do latrocínio que vitimou um idoso, de 81 anos de idade, no município de Tangará da Serra (239 km a médio norte de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, após ser identificado em investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O crime que vitimou Lorival Tasca ocorreu na sexta-feira 04 de setembro, na residência do idoso, na Agrovila 12, Assentamento Antônio Conselheiro. Na ocasião, os suspeitos espancaram a vítima para roubar um aparelho de TV 32 polegadas.

A vítima morava sozinha e o fato só foi percebido na segunda-feira (07) pelos vizinhos, quando o idoso foi socorrido e encaminhado para o hospital. Devido a gravidade dos ferimentos, o idoso não resistiu e morreu cinco dias após o ocorrido.

Assim que foi acionada dos fatos,, a equipe da Derf iniciou as investigações, conseguindo informações sobre os possíveis autores do crime, um casal que morava em sítio na Agrovila 18, local conhecido por aglomerações de pessoas para uso de drogas e bebidas alcoólicas.  

Com base nos elementos colhidos nas investigações, o delegado Edmar de Faria Filho, representou pelo mandado de prisão preventiva dos suspeitos pelo crime de latrocínio, os quais foram deferidos pela Justiça.  O suspeito foi preso na terça-feira (22) em Campo Novo do Parecis onde já cumpria pena por envolvimento em outro roubo.

Veja Mais:  PRF recupera motocicleta momentos após assalto, em Cáceres/MT

Já a mulher teve a ordem de prisão cumprida na manhã de quarta-feira (23) no município de Tangará da Serra. Interrogados, os suspeitos confessaram o crime e disseram que entraram para roubar, porém o idoso acordou enquanto eles estavam na casa. 

Após o roubo, o casal fugiu e abandou a televisão e a motocicleta utilizada no crime.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

PRF recupera motocicleta com adolescente em Pontes e Lacerda/MT

Publicado


.

Um jovem, de 15 anos foi apreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na manhã de quinta-feira (23), ao
ser abordado com uma motocicleta roubada, no município de Pontes e Lacerda.

Por volta das 9h, a equipe de plantão realizava ronda na BR-174, quando visualizou um rapaz com duas mochilas próximo a moto de cor azul sem placa. Ao ser abordado, o jovem que não portava documentos, informou aos policiais seus dados pessoais e o nome de sua mãe.

Relatou  que sua mãe reside em um sítio, entre Nova Lacerda e Comodoro, não apresentando contato telefônico de familiar ou de responsável apto a assumir o compromisso de comparecimento em audiência.

Os policiais realizaram uma fiscalização nos elementos identificadores do veículo e em consulta aos sistemas, constataram haver registro de roubo/furto.

O menor declarou que adquiriu a motocicleta em Conquista D’Oeste, em 22 de agosto, de uma pessoa que desconhece o nome. Sendo o veículo entregue pelo vendedor em um posto de combustível em Pontes e Lacerda, vindo transportada em um caminhão boiadeiro.

Informou aos PRF’s que sua mãe reside em um sítio, entre Nova Lacerda e Comodoro e não apresentou nenhum contato telefônico de familiar ou de responsável apto a assumir o compromisso de comparecimento em audiência.

A ocorrência foi encaminhado para Polícia Civil, em Pontes e Lacerda.

SECOM PRF MT
e-mail: [email protected]
Instagram: @prf_mt
Para emergências e denúncias, ligue 191

Veja Mais:  Adolescente é rendido logo depois de assaltar mercado em Pedra Preta

 

Fonte: PRF MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem investigado por estupro de enteada, que tem necessidades especiais

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (Dedm) de Cáceres cumpriram nesta quarta-feira (23) um mandado de prisão preventiva contra um líder religioso investigado por estupro de vulnerável. O crime foi cometido contra a enteada do suspeito, que tem necessidades especiais.

 

Inquérito foi instaurado pela delegacia para apuração do crime. Irmãs da vítima flagraram o padrasto, de 59 anos, mantendo relação sexual, durante a madrugada, com a vítima e contaram sobre o fato à mãe delas.  A vítima afirmou que os abusos ocorreram por diversas vezes e, principalmente, durante a noite, enquanto todos dormiam. A mãe da vítima questionou o suspeito e ele não se explicou, apenas saiu da casa.

Na delegacia, o suspeito alegou que confundiu a enteada com sua esposa, pois segundo ele, ambas tem o mesmo tipo de corpo.

Laudos periciais solicitados comprovaram o abuso sexual e com base nas provas, a delegada Judá Maali Marcondes representou à Justiça pela prisão preventiva do investigado.

Ele foi encaminhado para a unidade prisional de Cáceres, onde permanece à disposição da justiça.

Fonte: PJC MT

Veja Mais:  Adolescente é rendido logo depois de assaltar mercado em Pedra Preta
Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana