Policial

Polícia Civil prende estelionatários envolvidos em golpes aplicados pela Internet

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Dois homens acusados de aplicar golpes através de sites e redes sociais da Internet foram presos em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, no sábado (18.01), em Rondonópolis (212 km ao Sul). A ação resultou na recuperação de objetos subtraídos da vítima avaliados em R$ 6,5 mil.

A prisão dos estelionatários ocorreu após investigadores da 1ª Delegacia de Rondonópolis receberem informações sobre uma quadrilha especializada em golpes com a utilização dos aplicativos WhatsApp, Facebook e OLX.

Os suspeitos escolhiam vítimas que anunciavam produtos para venda através desses aplicativos, demonstrando interesse na mercadoria. A negociação geralmente era realizada durante o final de semana, quando não há expediente bancário, ocasião em que os suspeitos enviavam falsos comprovantes de pagamento (DOC ou TEC) às vítimas.

Acreditando terem recebido o valor, o vendedor fazia a entrega dos produtos e somente mais tarde descobria que foi vítima de golpe.

Com a informação de que os suspeitos estavam a caminho da cidade de Pedra Preta para buscar objetos, os policiai realizaram a abordagem dos suspeitos, no momento recebiam os produtos. Ao perceber a presença dos policiais um dos suspeitos tentou fugir porém foi detido.

Os produtos da vítima foram apreendidos, assim como o veículo Volkswagen Golf utilizado pelos estelionatários. Na delegacia, um dos suspeitos jogou o seu aparelho celular contra a parede para que o objetovo não fosse apreendio.

Veja Mais:  Escrivã homenageia turma por 19 anos de dedicação prestados á Polícia Civil

Segundo o delegado, Santigago Rozeno Sanches e Silva, esse tipo de atitude é comum entre as organizações criiminosas para dificultar o trabalho policial na identificação de outros integrantes do grupo e de outros crimes.

“Os suspeitos são apontados como integrantes de uma quadrilha envolvida em crimes de estelionato, que está envolvida em pelo menos 5 golpes semelhantes, aplicados entre dezembro e janeiro, com vítimas em Rondonópolis e região”, disse o delegado.

 

Fonte: PJC MT

Policial

Fiscalização da PM prende dois por corrupção de menores em parque público

Publicado


.

Durante fiscalização em um parque público, policiais militares  prenderam dois homens ( 26 e 35 anos) por corrupção de menores, desobediência e resistência, na noite de sábado(19.09), em Nortelândia. 

Por volta das 18h30, a Polícia Militar recebeu denúncias de que estava ocorrendo no parque uma aglomeração de pessoas. O denunciante informava que menores de idade no local estavam fazendo uso de narguilé e ingerindo bebida alcóolica.

 

A PM fez a abordagem e verificou que no local havia som automotivo e instrumentos de fumo de narguile. Uma adolescente de 16 anos  contou aos policiais que um dos suspeito a convidou para fumar e ingerir bebida alcóolica. 

 

Os dois suspeitos foram conduzidos à delegacia. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

 

Fonte: PM MT

Veja Mais:  Policiais militares fecham festa com 120 pessoas promovida por organização criminosa
Continue lendo

Policial

Policiais interrompem festa, prendem três e apreendem maconha em festa em Várzea Grande

Publicado


.

Policiais militares prenderam três pessoas em uma festa no bairro Jardim Eldorado, em Várzea Grande, na madrugada de domingo (20.09). Dois homens (24 e 46 anos) e uma mulher (41) foram detidos por corrupção de menores, tráfico de drogas e por promover aglomeração de pessoas.

Por volta das 2 horas, policiais realizavam rondas pelo bairro Eldorado quando perceberam aglomeração de pessoas em uma casa na Rua Santos. A PM solicitou apoio de mais viaturas para fiscalizar o local.

A polícia identificou menores de idade consumindo bebidas alcóolicas e os organizadores da festa foram identificados.

Eles alegaram à polícia que alugaram o local para o evento e que o filho adolescente pediu para ficar com alguns amigos na festa, porém, perderam o controle da situação.

No bolso de um homem com tornozeleira eletrônica, a PM encontrou porções de entorpecentes.

Os policiais acionaram o Conselho Tutelar para acompanhar o caso. Todos os suspeitos foram conduzidos à delegacia.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

Fonte: PM MT

Veja Mais:  Policiais interrompem festa, prendem três e apreendem maconha em festa em Várzea Grande
Continue lendo

Policial

Policiais militares fecham festa com 120 pessoas promovida por organização criminosa

Publicado


.

Em Nova Mutum, a Polícia Militar encerrou uma festa com 120 pessoas promovida por uma organização criminosa, na madrugada deste domingo (20.09), no bairro Alto da Colina. Um casal foi preso. A PM apreendeu maconha e identificou a presença de menores de idade no evento consumindo bebidas alcóolicas. 

Os policiais militares foram chamados para dar apoio a uma equipe de fiscais da Prefeitura que receberam diversas denúncias de moradores reclamando do  som alto e aglomeração de pessoas na Rua Das Primaveras, no bairro Alto da Colina. 

A Polícia Militar e os fiscais municipais foram até o endereço denunciado e constataram na rua vários veículos estacionados em frente a uma casa com o som de funk muito alto. As pessoas que estavam no interior do imóvel ao perceberem a chegada da polícia começaram a gritar, pular muros de casas vizinhas e subir em telhados para fugir da abordagem.  

As equipes de fiscalização entraram na residência, constataram odor de maconha e viram inúmeras garrafas de bebidas alcóolicas. Durante varredura no quintal do imóvel, os policiais apreenderam duas porções de maconha. 

A polícia encontrou pessoas que se esconderam para fugir e fez a revista pessoal. Menores de idade entre 13 e 17 anos foram identificados. Os adolescentes afirmaram que ingeriram bebidas alcoólicas e que a festa era patrocinada por uma organização criminosa.  

Um homem de 22 anos e uma mulher de 18 anos, proprietários da residência, foram presos por corrupção de menores, tráfico ilícito de drogas, associação ao tráfico e perturbação do sossego alheio. A PM acionou equipes do Conselho Tutelar para acompanhar o caso.

Veja Mais:  Quatro pessoas são presas em festa com arma e drogas em Rondonópolis

O casal foi conduzido para delegacia e a ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil. 

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Fonte: PM MT

Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana