conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Polícia prende maior estuprador em série de Goiás, fugitivo da penitenciaria da Mata Grande em 2013

Publicado

Exames periciais de DNA já confirmaram ser ele o autor dos crimes sexuais contra 22 vítimas, ocorridos entre os anos de 2008 e 2019

Wellington Ribeiro da Silva, 52 anos | Foto: PC-GO

A Polícia Civil com o apoio da Polícia Técnico-Científica realizou uma força-tarefa que culminou na prisão de Wellington Ribeiro da Silva, de 52 anos, suspeito de ser um estuprador em série. O suspeito é investigado por 47 estupros ocorridos em Goiás.

Segundo informações da Polícia Civil, exames periciais de DNA já confirmaram ser ele o autor dos crimes sexuais contra 22 vítimas, ocorridos entre os anos de 2008 e 2019. A investigação foi feita com trabalho de inteligência, coleta de declarações das vítimas e análise do “modus operandi” do autor.

As investigações mostram que o suspeito anunciava um assalto, obrigava as vítimas a subirem em sua moto, e as levava para local ermo, onde praticava o crime, valendo-se de grave ameaça (uso de arma de fogo) e sem retirar o capacete, a fim de ocultar sua identidade. Wellington Ribeiro tem antecedentes criminais por roubo, estupro e homicídio.

No dia 7 de maio de 2011, Wellington foi preso em flagrante por ter estuprado uma vítima e ter feito sexo oral em sua bebê de 5 meses, no Jardim Ipanema, em Goiânia. No auto de prisão em flagrante, ele se apresentou com o nome falso de Sérgio Rodrigues da Silva. Por ter procedimentos penais no estado do Mato Grosso pelos crimes mencionados, o suspeito foi transferido de Goiás para o referido Estado, visto que a pena era maior.

Veja Mais:  OPERAÇÃO TAMOIO: PRF apreende maconha em Poconé/MT

Ele foi condenado a 57 anos de prisão pelo Poder Judiciário de Mato Grosso. Mas, em 20 de novembro de 2013, fugiu da penitenciária. Wellington Ribeiro da Silva foi preso no último dia 12 de setembro. Ele foi detido em uma via pública, no Setor Veiga Jardim, Aparecida de Goiânia, próximo ao Anel Viário.

A Operação Impus foi assim batizada em razão do nome em latim significar perverso.

Da redação com Jornal Opção

   

Comentários Facebook

Policial

Depois de provocar acidente, homem é detido em casa e tenta subornar policiais; arma de fogo apreendida

Publicado


.

Policiais militares da 13ª Companhia de Guarantã do Norte (a 715 km de Cuiabá) prenderam neste domingo (31.05), um homem por provocar acidente de trânsito e porte ilegal de arma de fogo.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais estavam na busca do motorista do Ford F75 que provocou uma batida em um carro e uma motocicleta e, fugiu do local.

Em diligência, os policiais localizaram o veículo denunciado estacionado em uma casa. Foi solicitado ao dono do imóvel para se apresentar. Quando o homem saiu, ele carregava uma carabina, com 10 munições, apontada na direção dos policiais. Depois de alguns minutos de conversa, o cidadão se entregou. Ele estava em visível estado de embriaguez.

Durante a condução à delegacia, o homem ofereceu aos policiais R$ 5 mil para ser liberado. A tentativa de suborno foi gravada pelos agentes.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  PRF apreende arma artesanal e ouro em Pontes e Lacerda/MT
Continue lendo

Policial

PRF apreende arma artesanal e ouro em Pontes e Lacerda/MT

Publicado


.

Os materiais estavam sendo transportados em um ônibus

No sábado (30) a equipe do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em fiscalização de rotina na BR 174 em Pontes e Lacerda/MT, abordou o ônibus que faz o itinerário Porto Velho/RO para Cuiabá/MT.

Em buscas no interior do veículo, a equipe PRF ao revistar as bagagens de um passageiro de 35 anos localizou em sua mochila duas pedras de material análogo a ouro, pesando aproximadamente 25g. O rapaz informou que havia comprado o metal precioso em um garimpo em Humaitá/RO.

Dando andamento na revista, os policiais encontraram em uma caixa que pertence ao passageiro, uma arma de de fogo de fabricação artesanal, calibre .30. A arma estava desmontada e sem munições.

A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Judiciária Civil de Pontes e Lacerda/MT.
Secom PRF MT

Veja o vídeo:

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil prende pai suspeito de engravidar filha em Canarana
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende pai suspeito de engravidar filha em Canarana

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

Um pai investigado por estupro contra sua filha menor de idade foi preso pela Polícia Civil na sexta-feira (29.05), em Canarana (823 km a leste de Cuiabá), em ação para cumprimento de mandado de prisão temporária. 

O suspeito tem 42 anos teve a ordem judicial decretada por crime contra a dignidade sexual – estupro.  A vítima hoje está com 16 anos e possuí duas filhas, uma delas com um ano e cinco meses de idade.

As investigações iniciaram no dia 14 de maio, após ocorrência registrada na Delegacia de Polícia. A adolescente contou que era abusada pelo pai desde os dez anos. Com duas filhas pequenas, a adolescente disse que não sabe se as crianças são do namorado, ou frutos dos abusos sexuais praticados pelo seu pai.

Conforme o delegado de Canarana, Deuel Paixão de Santana, logo que comunicada dos fatos a Polícia Civil passou a apurar as informações. Durante o trabalho cauteloso de investigação, o suspeito chegou a ser ouvido, porém negou as acusações. 

“A filha mais velha da vítima foi registrada pelo então namorado da menor. Porém na certidão de nascimento da segunda criança hão há pai declarado. Agora será coletado material genético para prova técnica e comprovação de paternidade”, disse o delegado. 

Com base nos indícios, o investigado teve o mandado de prisão temporária expedido pelo Poder Judiciário.

Veja Mais:  Criminosos explodem caixas eletrônicos de banco durante a madrugada em Guiratinga

Ao ser preso, o pai foi novamente interrogado, negou o estupro e também negou ceder material genético para exame de DNA.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana