Economia

Setor financeiro já percebe valor agregado pela Transformação Digital

Publicado


source
Setor financeiro já percebe valor agregado pela Transformação Digital
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Setor financeiro já percebe valor agregado pela Transformação Digital

Com base em uma pesquisa global de executivos do setor bancário e de seguros1,, a Fujitsu ­- líder em tecnologia da informação e comunicação que ajuda as empresas a acelerarem a inovação em ambientes híbridos de TI e multicloud – encontrou evidências do valor fornecido pela Transformação Digital (TD) no setor. Cerca de 85% disseram que as iniciativas de TD aumentaram positivamente as receitas, e 84% tiveram a mesma visão sobre a melhoria do risco e da segurança.

“Os altos níveis de satisfação mostrados pela pesquisa são ainda mais relevantes dado que as instituições financeiras têm mais maturidade digital que os demais setores. Bancos e seguradoras se transformaram na última década, inaugurando novas soluções digitais, excelência em Omnichannel e experiência de clientes e funcionários, tudo apoiado pela transformação dos negócios e pela capacitação tecnológica”, avalia Alex Takaoka, diretor de Vendas da Fujitsu do Brasil.

Você viu?

Setor Financeiro

O estudo ainda mostra que uma grande maioria também relatou que a TD contribuiu para fortalecer o relacionamento com os clientes (83%), construir confiança (83%), viabilizar novos ecossistemas (82%) e impulsionar uma abordagem de negócios sustentável orientada para o propósito (82%). Além disso, a pesquisa revela ainda que a maioria das empresas do segmento tem estratégias e implementações maduras de TI em áreas-chave: mais de 80% dos entrevistados relataram implementações maduras em vigor em segurança cibernética (86%), iniciativas de transformação digital em geral (84%), nuvem privada (83%) e inovação no local de trabalho (83%).

Veja Mais:  Funcionários da Eletrobras abrem denúncia no TCU contra privatização

Leia o restante da matéria aqui .

Comentários Facebook

Economia

Fábrica proíbe uso de maconha e sofre com falta de funcionários; entenda

Publicado


source
fábrica da GM
Divulgação

fábrica da GM


A General Motors  ( GM ) está com dificuldades para contratar trabalhadores temporários para duas de suas fábricas principais, em Michigan e em Indiana, nos Estados Unidos. Um dos motivos é a obrigatoriedade do teste toxicológico .

A maconha é liberada para uso recreativo em Michigan desde 2018. A companhia está procurando por operários temporários para as fábricas de Flint (Michigan) e Fort Wayne (Indiana). Os polos produzem as picapes mais lucrativas. 


Em Indiana, foram contabilizados apenas 60 candidatos, mas a empresa precisa de 275 funcionários. Segundo reportagem do Detroit Free Press, o teste de toxicologia usa um fio de cabelo para determinar se a pessoa usou maconha nas últimas semanas. 

Esse tipo de teste pode dar um falso positivo e apontar para a concentração de um dos princípios ativos da droga ( THC ) mesmo em quem usou produtos apenas com canabidiol (CBD), diz um estudo do Journal Analytical Toxicology, principal publicação mundial sobre o toxicologia. 

Comentários Facebook
Veja Mais:  Bolsonaro admite que não houve corrupção no BNDES após gastar R$ 48 mi em buscas
Continue lendo

Economia

McDonald’s promove curso gratuito sobre desenvolvimento sustentável; confira

Publicado


source
Curso será realizado de forma online
Divulgação

Curso será realizado de forma online

A Arcos Dorados, franquia independente do McDonald’s que opera a marca na América Latina e Caribe, está com vagas abertas para a 36ª edição do  Programa Desenvolvimento Sustentável em Foco , que acontecerá entre os dias 21 e 23 de junho. O projeto é totalmente gratuito e aberto a qualquer pessoa que estiver interessada. As inscrições podem ser feitas neste link .

As palestras, ministradas on-line, abordam temas como ESG, Mudanças Climáticas, Diversidade e Inclusão, Desperdício de Alimentos, Economia Circular, Energia Renovável, entre outros. Ao todo, o programa oferece carga horária de nove horas ao longo dos três dias, sempre das 18h às 21h. Aqueles que assistirem a, no mínimo, 75% das palestras irão receber um certificado de participação.

“Compartilhar conhecimento é apenas uma das fortes apostas da plataforma Receita do Futuro para contribuir com a construção de um mundo mais sustentável e acreditamos que seu impacto é efetivo para propagar atitudes positivas”, comenta Leonardo Lima, Diretor Corporativo de Desenvolvimento Sustentável da Arcos Dorados e Coordenador do Programa.

Programação

  • Capitalismo Consciente, com Hugo Bethlem
  • Diversidade e Inclusão, com Leandro Correa
  • Desperdício de Alimentos, com Daniela Garcia
  • Economia Circular, com Leandro Santos
  • Energia Renovável, com Andrea Santoro
  • Gestão da Mudança, com Murilo Moreno
  • Gestão de Resíduos em tempos de COVID-19, com Yara Garbelotto
  • Mudanças Climáticas, com Felipe Bottini
  • Desenvolvimento Sustentável/ESG/Receita do Futuro, com Leonardo Lima
  • Valor Compartilhado, com João Redondo
Veja Mais:  Funcionários da Eletrobras abrem denúncia no TCU contra privatização

A Certificação Sustentável do Café – Rainforest Alliance, com Giovanna Escoura Para saber mais, acesse o site do curso por meio deste link

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Após aumento da Selic para 4,25%, vale a pena investir na poupança?

Publicado


source
Após aumento da Selic para 4,25%, vale a pena investir na poupança?
Fernanda Capelli

Após aumento da Selic para 4,25%, vale a pena investir na poupança?

A taxa básica de juros ( Selic ) aumentou e chegou a 4,25% ao ano . Com isso, a poupança irá obter uma rentabilidade de 2,98% ao ano, segundo cálculos da Associação Nacional dos Executivos de Finanças Administração e Contabilidade (Anefac) .

Isso porque, devido a regra em vigor desde 2012, quando a Selic está abaixo de 8,5%, a correção anual da poupança é limitada a 70% dos juros básicos mais a Taxa Referencial, que está em zero desde 2017.

Você viu?

Portanto, a pergunta que fica é: ainda vale a pena investir na poupança com a alta da taxa Selic?

Inflação x Poupança

De acordo com dados divulgados pelo Banco Central, cerca de R$ 23,6 bilhões já foram retirados da caderneta da poupança, só entre os meses de janeiro a maio deste ano. Desde setembro de 2020, o investimento vem perdendo cada vez mais rentabilidade.

Para saber mais e conferir se a poupança passa a ser uma boa pedida com a nova Selic, mais alta, leia a  matéria completa em 1Bilhão Educação Financeira .

Comentários Facebook
Veja Mais:  Funcionários da Eletrobras abrem denúncia no TCU contra privatização
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana