Rondonópolis

Setrat aguarda habilitação do site do MTP para registro de motoristas de táxi no Benefício Taxista

Publicado

Válido até dezembro de 2022 e com parcelas no valor máximo de mil reais, o Bem-taxista como está sendo chamado o Benefício Taxista instituído pela emenda constitucional 123 de 14 de julho de 2022 assegura auxílio emergencial aos motoristas de táxis para amenizar os transtornos advindos do aumento extraordinário e imprevisível dos preços do petróleo, combustíveis e seus derivados e seu impacto na sociedade. De acordo com a página do Ministério do Trabalho e Previdência (MTP) (https://www.gov.br/trabalho-e-previdencia/pt-br/assuntos/beneficio-taxista), na qual constam todas as informações sobre essa ajuda do Governo Federal, a quantidade de parcelas poderá ser ajustada conforme o número de trabalhadores cadastrados e o limite global de recursos, indicado no artigo 5º, inciso VI da emenda constitucional 123/22 que dita que a União concederá, entre 1º de julho e 31 de dezembro de 2022, aos motoristas de táxi devidamente registrados até 31 de maio de 2022, auxílio até o limite de R$2 bilhões.

Cabe às Prefeituras de cada município brasileiro realizar o cadastramento dos taxistas que tenham o alvará no site do MTP a fim de viabilizar o recebimento da contribuição pelos permissionários – o que deve ser feito entre os dias 25 e 31 de julho, tempo hábil para que esses trabalhadores recebam o auxílio dos meses sete e oito, cuja previsão de pagamento é 16 de agosto. Porém, até agora, o site do Ministério não está ainda com a funcionalidade disponível para processar a lista com os nomes dos motoristas de táxi registrados na Prefeitura, o que causou preocupação nesses trabalhadores.

Veja Mais:  Câmara amplia o debate sobre segurança pública

Visando mitigar a angústia dos taxistas rondonopolitanos, a Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (Setrat) convidou o Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Rondonópolis (Sincavir) e o Sindicato dos Taxistas de Rondonópolis (Sinditáxi) para uma reunião que aconteceu na sala do secretário de Transporte e Trânsito, Lindomar Alves, onde os representantes dos motoristas de táxis ouviram do gestor da Pasta que toda a equipe da Setrat está de prontidão para, assim que o link para registro dos profissionais for liberado no portal do MTP, enviar a relação com os nomes dos permissionários.

“A Setrat nos chamou aqui para esclarecer o que está acontecendo e explicou que o site do Ministério não está recebendo, no momento, esses dados, mas que a Secretaria está atenta, acompanhando a página da internet para assim que ela começar a aceitar as informações inseri-las. Com essa conversa ela nos acalmou e vamos repassar aos sindicalizados o que está acontecendo”, compartilhou a presidente do Sinditáxi, Andréa Krosch.

Todas as informações solicitadas pelo Governo Federal a serem enviadas ao portal do MTP estão no banco de dados da Setrat que, além de estar monitorando a página do Ministério para, assim que for permitida a inserção, fazer o encaminhamento, também já está tomando providências cabíveis a fim de proteger o direito da categoria ao benefício.

“Como o site está em construção e percebemos que estão sendo acrescentadas informações a todo momento, acreditamos que, ainda nesta semana, será possível inserir os 189 permissionários no sistema do Ministério para que possamos cadastrá-los e eles recebam o auxílio ainda na primeira fase”, afirma Lindomar, referindo-se a etapa de 25 a 31 de julho que proporciona o pagamento do valor em 16 de agosto. De qualquer maneira, a Setrat vai tomar medidas preventivas para proteger os profissionais. “Vamos protocolar amanhã no INSS um ofício físico com a relação dos 189 taxistas habilitados em Rondonópolis”, anuncia o titular do Trânsito.

Veja Mais:  Prefeitura consegue manter base do INCRA em Rondonópolis

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook

Rondonópolis

Corpo de Bombeiros premia vencedores do concurso de redação e desenho sobre as queimadas

Publicado

O comandante do 2º Comando Regional do 3º Batalhão de Bombeiros Militar de Rondonópolis tenente coronel, Fabrício Gomes Costa, realizou a cerimônia de premiação aos vencedores do 1º Concurso Textual e Desenho, após uma parceria efetivada com as Secretarias de Educação do município e do estado, e cujo tema foi: “Diga Não às Queimadas”. A parceria envolveu cerca de 7 mil alunos da rede pública de educação.

O evento aconteceu na manhã desta terça-feira (16), nas dependências do Quartel da Polícia Militar Ambiental, localizado na Avenida Bandeirantes no bairro Lageadinho e contou com a presença de representantes do Comitê do Fogo do Município de Rondonópolis.

Estiveram presentes, o comandante dos Bombeiros, o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Marcos Vinícius, a representante do Departamento Regional de Educação da rede estadual, professora Andreia Cristina, a representante da Semed Lucilene Rodrigues, a representante da Funai, Ana Clara, diretores e professores da rede pública e, os alunos vencedores.

Conforme os organizadores, o mote do concurso foi o malefício das queimadas, e a necessidade de conscientização de preservar o meio ambiente.

O concurso teve 5 categorias distribuídas entre redação e desenho e que abrangeu crianças da rede municipal (ensino fundamental), do 1º ao 4º ano e, do 5º ao 9º ano e do ensino médio.

OS VENCEDORES…

Na categoria 1 Modalidade Desenho do 1º ao 4º ano das Escolas Municipais, o vencedor foi o aluno Arthur Souza Gonçalves, que teve como orientador, a professora Sandra Zufa de Oliveira. Ele recebeu um certificado de participação, um troféu e uma bicicleta. Os orientadores, como a professora Sandra Zufa receberam o certificado de participação e um kit “Cesta de chocolate”.

Veja Mais:  Prefeitura consegue manter base do INCRA em Rondonópolis

Na categoria 2 – Modalidade Texto do 5º ao 9º ano, também das escolas municipais, o aluno vencedor foi: Pietro Rojas Melo, que teve como orientadora a professora Vilma Careiro Vasconcelos.

Na categoria 3  – Modalidade Desenho do 1º ao 4º ano – Escolas Estaduais, o vencedor foi a aluna, Lorena Heloize oliveira Barbosa, que teve como orientadora, a professora Eliene Emiliana de Souza Silva.

Na categoria 4- Modalidade Texto – do 5º ao 9º ano – Escolas Estaduais, o vencedor foi o aluno Enzo Crhisti Santos Rech Beling, que teve como orientador o professor Francisco Otávio Araújo dos Santos.

Por fim, na categoria 5 – Modalidade Texto- Ensino Médio Escolas Estaduais, o vencedor da categoria, foi o aluno Pedro Henrique Coterle, e a sua orientadora, a professora Maria José Vilela Rodrigues.

O comandante do 3º BBM, Ten. Cel. BM Fabrício, revelou que mesmo tendo sido iniciado em meados do mês de maio, o concurso cumpriu o seu objetivo, de informar e conscientizar os estudantes, sobre o perigo das queimadas, os prejuízos que elas trazem não apenas ao meio ambiente, mas à saúde como um todo da população, bem como os estragos materiais ao meio ambiente e ainda a importância da responsabilidade social despertada em cada um dos participantes. 

O militar revelou ainda que a corporação já está trabalhando para a formatação do concurso para o próximo ano.

Veja Mais:  Lançamento do projeto 'O Dia Mundial de Limpeza corre um RIO VERMELHO' acontece hoje em Rondonópolis

Lucilene Rodrigues, representando a Semed, falou sobre a importância do debate sobre o tema preservação e queimadas, que deve ser trabalhado nas capacidades escolares e disse que ele (tema) precisa estar dentro do currículo das escolas da rede pública, como proposta curricular com o envolvimento maior das escolas e dos professores nessa temática que deve ser discutida e debatida todos os dias.

A Diretora Regional de Educação do estado, Andreia Cristiane, parabenizou os diretores e professores das escolas que se engajaram na inserção do projeto (concurso) na grade de programação escolar (planejamento escolar) e conseguiram realizar a contento esse desafio.

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Alunos da rede municipal de ensino participam do projeto ‘Movimenta’

Publicado

Alunos de seis a dez anos matriculados na rede municipal de ensino estão participando do projeto ‘Movimenta’ durante os dias 16 e 17 no Centro Social Urbano Padre Lothar na Vila Operária com apresentações envolvendo cultura, diversão e entretenimento.

O projeto da Prefeitura Municipal de Rondonópolis por meio das Secretarias de Cultura, Educação e de Promoção e Assistência Social tem como parceiros a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio), o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

As 400 crianças participantes do projeto podem curtir apresentações artísticas como teatro, animação de palhaço, experimentos científicos, além das atividades recreativas com circuito motor para trabalhar coordenação motora fina e ampla e equilíbrio. 

Outro ponto alto do projeto é a imersão dos pequenos nas novas tecnologias por meio da experiência inovadora usando óculos de realidade virtual para leitura de QR Code e descoberta de como é o corpo humano por dentro.

“Essa vivência e essa experiência ajuda no aprendizado das crianças”, pontuou o coordenador de comunicação e marketing do Senac, Sandro Cassiano.

De acordo com a secretária de Promoção e Assistência Social, Fabiana Perez, além de levar entretenimento para as crianças, a ação visa mostrar o espaço voltado para serviço de convivência e fortalecimento de vínculo e chamar as crianças para participarem das atividades de contraturno como aulas de música e outras que iniciarão em setembro.

Veja Mais:  Prefeitura consegue manter base do INCRA em Rondonópolis

Os pais e responsáveis interessados em matricular suas crianças devem procurar uma das unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) CRAS, o período de inscrição encerra quando terminarem as vagas.

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Servidores realizam nesta quarta paralisação de 24 horas, com protestos em frente a casa do prefeito

Publicado

Foto: Assessoria

A diretoria do Sispmur- Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis publicou edital de convocação para paralização geral da categoria por 24 horas. Os trabalhadores prometem lotar mais uma vez a praça, em frente a casa do prefeito José Carlos do Pátio, no bairro Colina Verde, próximo ao Sesc. As manifestações começam às 8h30.

Mesmo com a participação máxima de servidores e cobertura de veículos de comunicação de todo o Mato Grosso, a gestão municipal segue estática sem qualquer avanço nas negociações.

Os servidores seguem na espera de um estudo para alteração no plano de cargo e carreiras, proposta concreta de valorização de toda a categoria, sem qualquer tipo de penalização e concurso público amplo.

Sem diálogo

O sindicato tenta há mais de 500 dias audiência com o prefeito José Carlos do Pátio. Até o fechamento desta reportagem não existia qualquer documento oficializando o encontro. Todas as tratativas ocorridas até o momento foram conduzidas apenas com secretários da gestão.

A última greve do serviço público municipal aconteceu no início de 2015 e durou mais de três meses.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Veja Mais:  Prefeitura faz parceria com Sesc para oferecer atendimento odontológico gratuito
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana