Carros e Motos

Veja 5 esportivos que gostaríamos de ter, mas o juízo não permite

Publicado


source

Sabe aquele negócio que você realmente gostaria de fechar, mas se pensasse duas vezes sobre o assunto sairia correndo? Pois bem, quem curte automóveis já está acostumado com essa sensação.

LEIA MAIS: Etanol ou gasolina? Especialista dá dicas sobre como identificar o melhor combustível

O modelo em questão é bonito, exclusivo, legal de dirigir e está com um preço convidativo no mercado de seminovos; mas se você levar em conta tudo que será gasto em uma eventual peça que dê defeito, o sonho logo se transformaria num pesadelo. Partindo disso, a reportagem do iG lista cinco esportivos que gostaríamos muito de levar para a garagem, mas a sanidade e o juízo ainda não permitiram.

1 – Mini Cabrio John Cooper Works 1.6 2012 – entre R$ 74 mil e R$ 79 mil

Mini JCW arrow-options
Divulgação

Poucos carros têm tanta personalidade quanto o Mini Cooper. Pena que a manutenção custe o olho da cara

Por trás do rostinho carismático e fofo do Mini Cabrio John Cooper Works se esconde uma fera indomável. O pequeno esportivo britânico entrega a 211 cv de potência e 26,51 kgfm de torque, derivados de um motor 1.6 que também equipa modelos de BMW, Peugeot e Citroën. Seu câmbio era manual, de seis marchas, proporcionando aceleração até 100 km/h em apenas 6,5 segundos.

Ser proprietário de um Mini Cooper é difícil. O mecânico Robson Silva contou à Oficina Brasil que o motor precisa caber em um pequeno espaço no cofre, e tudo ficou apertado. “É inacessível! Se for preciso tirar alguma peça, teremos que desmontar o carro inteiro”, advertiu. O Mini JCW surge nos classificados online por valores que alternam entre R$ 74 mil e R$ 79 mil.

Veja Mais:  Volvo transforma posto em área verde para o Dia Mundial Sem Carro

2 – VW Jetta Variant 2.5 2011 – entre R$ 37 mil e R$ 43 mil

VW Jetta Variant arrow-options
Divulgação

Até os dias de hoje, a VW Jetta Variant é lembrada como uma das peruas mais belas do mercado brasileiro

Se você acompanha o iG Carros, sabe que jogamos pelo time ‘Salvem as Peruas’. A Jetta Variant foi uma das mais legais dos últimos anos, com visual clássico alemão, muita tecnologia e o motor 2.5 que muitos diziam ser “meio propulsor de Lamborghini Huracán”. Bem, isso não é verdade, mas a Jetta Variant não deixa de ser um monstro familiar. São 170 cv de potência e 24,5 kgfm de torque, com câmbio automático Tiptronic de seis marchas.

Como sabemos, a manutenção da linha premium da Volkswagen costuma ser bem cara, e não à toa, várias peças são compartilhadas com os carros da Audi. Por mais que adquirir uma Jetta Variant não seja necessariamente uma loucura para quem realmente curte peruas esportivas, é melhor deixar uma (boa) grana reservada para a manutenção.

3 – BMW 328 Touring 2.8 1997 – entre R$ 35 mil e R$ 40 mil

BMW 328i Touring arrow-options
Divulgação

Encontrar uma BMW 328i Touring em bom estado será sempre uma tarefa difícil; seu custo de manutenção é de carro zero quilômetro

Já dizia o velho ditado: “nada mais caro que uma BMW barata”. Portanto, para um lunático que deseja desfilar com uma perua alemã de 1997, pagar R$ 38 mil por uma Série 3 da geração E36 pode compensar.

Veja Mais:  Picape média elétrica JAC iEV 330P estreia no mercado brasileiro

LEIA MAIS: Veja 5 fatos que já sabemos sobre o novo Duster, que chega em breve

Equipada com motor 2.8 24V de 193 cv de potência e 28,5 kgfm de torque, a 328i Touring desperta todos os nossos gatilhos. Tinha até controle de estabilidade e tração para administrar tanta força. Infelizmente, o valor cobrado pelas peças de qualquer BMW não está nem aí para a idade do veículo. Sempre será uma verdadeira “bica”.

4 – Subaru Impreza WRX 2.5 2008 – a partir de R$ 58 mil

Subaru Impreza WRX 2009 arrow-options
Divulgação

Você dificilmente encontrará um Subaru Impreza WRX 2008 que não tenha sido alterado

Se o plano é comprar um Impreza WRX, você dificilmente encontrará um modelo original. Os “subaristas” são adeptos da cultura do tuning, portanto, é normal encontrar modelos com downpipe, filtro de ar especial e reprogramação de motor e câmbio.

O motor 2.5 desenvolve 230 cv de potência e incríveis 32,63 kgfm de torque. O câmbio manual de cinco velocidades transmite a força às quatro rodas, garantindo total aderência na hora de acelerar. De acordo com a marca, o WRX pode atingir 100 km/h em 6,5 segundos. Como um carro de nicho, as peças do Impreza também são bem caras.

5 – Peugeot 306 Cabriolet 2.0 1995 – a partir de R$ 25 mil

Peugeot 306 Cabriolet arrow-options
Divulgação

O charmoso Peugeot 306 Cabriolet poderia entrar para a lista de “clássicos esquecidos”, com motor 2.0, de 123 cv

Poucas pessoas sabem que é possível tirar onda de carro conversível por um valor acessível. É o caso do Peugeot 306 Cabriolet , com capota de lona, que pode ser encontrado nos classificados online a partir de R$ 25 mil – em bom estado, claro.

Veja Mais:  KTM 250 Adventure vai ser lançada no mês que vem

LEIA MAIS: Porsche apresenta novas versões GTS de Cayman e Boxster

Além de ser estiloso, o 306 Cabriolet é reconhecido pelo prazer ao volante. Seu motor 2.0 entrega 123 cv de potência e 18,3 kgfm de torque, com câmbio manual de cinco velocidades. Há força suficiente para atingir 100 km/h em 12 segundos.

Fonte: IG CARROS

Carros e Motos

Volvo transforma posto em área verde para o Dia Mundial Sem Carro

Publicado


source
Volvo Garden Station
Divulgação

Volvo Garden Station, no bairro de Pinheiros, na capital paulista, terá palestras sobre mobilidade, entre outras atividades


Para celebrar o Dia Mundial Sem Carro, a Volvo vai transformar um posto de combustíveis da capital paulista em área verde. Localizado no cruzamento das ruas Artur de Azevedo com Mateus Grou, em Pinheiros, o Volvo Garden Station irá funcionar entre os dias 22 e 27 deste mês.


No espaço da Volvo , haverá a venda de plantas, workshop para criação de horas, além de uma programação com debates sobre sustentabilidade e mobilidade. A lista de atrações inclui ainda um espaço Pet Friendly e um food truck elétrico.

No dia 22 de setembro, para inaugurar oficialmente o espaço, o canal da Volvo no Youtube transmitirá ao vivo um debate com a presença do Instituto Vida Livre e as reflexões do impacto urbano na sustentabilidade e fauna brasileira.

Já no dia 24, Bruno Nardon, empresário e fundador do Rappi, Zeca Chaves, jornalista e consultor automotivo, e a apresentadora Mariana Ferrão, farão um debate no espaço da Volvo sobre as relações com a mobilidade, com o carro e a cidade, os desafios de fazer escolhas mais variadas de transporte.

Veja Mais:  Novo Nissan Versa estreia com versão básica na Argentina
Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

KTM 250 Adventure vai ser lançada no mês que vem

Publicado


source
KTM
Divulgação

KTM 250 Adventure terá visual bem parecido com o da versão 390, de maior cilindrada e que já vendida em diversos mercados do mundo

A KTM lançará a 250 Adventure em alguns mercados no mês que vem. A marca austríaca vem testando a novidade há tempos e agora surge a informação de que o lançamento deverá ser no mês que vem, na Índia e outros países emergentes, entre os quais o Brasil não está incluído, pelo menos por enquanto.

Até agora, havia apenas a KTM 390 Adventure, que ficará acima da 250 e ajudará a fabricante a aumentar suas vendas no segmento com uma versão mais em conta.Além disso, a novidade contará com uma base de clientes da versão superior e de novos que surgirão, já que a demanda por motos com apelo aventureiro vem aumentando.

Não resta dúvida de que a nova KTM 250 Adventure será baseada na 250 Duke, que também não é vendida no Brasil, apenas as versões 390 e 200. Portanto, o motor será o mesmo de 250cc de cilindrada, de apenas um cilindro, capaz de gerar 29,6 cv e 2,4 kgfm de torque a 7.500 rpm.

Veja Mais:  KTM 250 Adventure vai ser lançada no mês que vem

Tanto componentes como suspensão e freios, quanto elementros visuais também virão da KTM 390 Adventure . Mas na versão mais em conta o farol não será de LED, mas com lâmpadas halógenas por uma questão de redução de custos.Porém, o quatro de instrumentos será digital e com conexão bluetooth.

A KTM também deverá oferecer uma lista de acessórios e opcionais, como baús laterais para levar bagagem que também poderão ser usados em ambas as versões Adventure da fabricante. A nova versão 250 terá como público alvo os que estiverem buscando um modelo com apelo aventureiro que seja leve em vários aspectos, inclusive, no bolso.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Picape média elétrica JAC iEV 330P estreia no mercado brasileiro

Publicado


source
JAC iEV 330P
Divulgação

JAC iEV 330P: primeira picape 100% elétrica vendida no Brasil estreia no mercado sem rivais diretos, pelo menos por enquanto


A JAC inicia oficialmente as vendas da picape média elétrica iEV 330P, modelo que estreia com preço de R$ 289.900 oferecendo uma autonomia de até 320 quilômetros com uma carga de bateria. A picape teve 25 unidades vendidas na pré-venda, com as primeiras entregas programadas para janeiro de 2021.


Com 5,615 m de comprimento, a iEV 330P é quase 30 cm mais longa do que modelos como Chevrolet S10 e Ford Ranger, resultado da adoção de uma caçamba com dimensões mais próximas da utilizada nos utlitários de cabine simples e capaz de levar até 800 kg de carga.

Equipado com um conjunto de baterias de ferro-lítio, com capacidade máxima de 67,2 kWh, a iEV 330P usa um motor com 150 cv de potência e torque de 33,7 kgfm desde a partida. Números próximos ao dos valores máximos do motor 2.0 diesel de uma Volkswagen Amarok S.


Assim como os carros elétricos, a picape da JAC está equipada com um sistema de freios regenerativo, que aproveita as desacelerações para recarregar as baterias. De acordo com a empresa, a carga lenta das baterias (de 20% a 100%) leva 8 horas, tempo que cai para 1h30 vom o uso de um carregador rápido de 40W.

Veja Mais:  Conheça a nova Ducati Multistrada 950S

A lista de equipamentos inclui central multimídia com tela de 7″, câmera de ré, e volante multifuncional, ar-condicionado, vidros dianteiros e traseiros elétricos e faróis e lanternas de neblina.

Caminhão elétrico

JAC iEV 1200T
Divulgação

JAC iEV 1200T: chega com autonomia de 200 quilômetros e capacidade de carga de 7,5 toneladas, de acordo com a fabricante chinesa


Além da picape, a JAC anunciou também o início oficial das vendas do caminhão leve iEV 1200T. Com capacidade de 7,5 toneladas de PBT, traz baterias de 97 kWh que garantem uma autonomia de até 200 km. Já o motor elétrico desenvolve 177 cv e permite ao veículo atingir os 90 km/h.

Segundo a JAC, além das 25 unidades da iEV 330P , desde abril já foram comercializadas 100 unidades do caminhão, numa lista que inclui empresas como a PepsiCo, a CPFL e a Porto Seguro. Os primeiros 50 exemplares serão entregues até o final do ano, com o restante chegando aos compradores até fevereiro de 2021.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana