conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Tecnologia

Vivo tem outra falha de segurança ainda mais grave; entenda

Publicado

Olhar Digital

dados arrow-options
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Outro vazamento de dados de clientes Vivo foi identificado


Na última segunda-feira (04), o Olhar Digital reportou com exclusividade uma falha de segurança no portal de serviços da Vivo que deixou exposto os dados de pelo menos 24 milhões de assinantes da operadora. O problema foi descoberto e identificado pelo grupo de pesquisadores WhiteHat Brasil. No dia seguinte, a própria Vivo reconheceu a falha e anunciou que havia resolvido a grave vulnerabilidade na plataforma de serviços “Meu Vivo”.

O problema é que nesta quinta-feira (07), uma nova denúncia anônima, feita mais uma vez com exclusividade ao Olhar Digital, mostrou que os dados dos clientes da Vivo continuam desprotegidos e abertos . Desta vez, segundo a denúncia, a falha está na API do serviço “Meu Vivo Fixo”. Segundo o pesquisador que encontrou a nova brecha, essa API é basicamente um banco de dados que retorna as informações dos usuários cadastrados no site da operadora.

Leia também: 24 milhões de clientes da Vivo têm seus dados vazados

A vulnerabilidade foi descoberta há mais de um mês. Na época, o usuario chegou a enviar um e-mail relatando com detalhes a falha para a operadora. Mas a Vivo ignorou o alerta. O problema persiste na plataforma e todos os dados dos clientes continuam vulneráveis e abertos . Em nota, a Vivo diz que está apurando o caso.

Também nesta quinta-feira, segundo o jornal O Estado de São Paulo , a Telefônica Brasil recebeu cobranças de esclarecimento por parte da Fundação Procon e da Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel . Os dois órgãos cobram explicações da operadora sobre o caso de vazamento de dados pessoais de seus clientes. A Telefônica tem 15 dias para responder. Com base no Código de Defesa do Consumidor, a multa pode chegar a R$ 10 milhões.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Anel com inteligência artificial prevê sintomas de Covid-19

Tecnologia

Google é acusada de roubar dados dos usuários; entenda

Publicado


source

Olhar Digital

Google
Unsplash

Google é acusada de roubar dados dos usuários


Na terça-feira (2), uma ação coletiva foi movida contra o Google no tribunal Distrital do Norte da Califórnia, nos Estados Unidos. A acusação é de que a empresa rastreia e coleta o histórico de navegação dos usuários e outros dados de atividades na internet, mesmo no modo de navegação privada. Isso seria feito pela identificação no Google Analytics, Google Ad Manager e outros plug-ins.

Segundo os autores do processo, sempre que alguém visita uma página na web ou abre um aplicativo que usa serviços do Google, as informações pessoais são enviadas à empresa. Endereço de IP, o que o usuário visualizou e detalhes do hardware utilizado são apenas alguns exemplos do que é coletado sem o conhecimento da vítima.

Leia também: Aplicativo se passa por antivírus para limpar conta bancária de vítimas; entenda

“As práticas do Google violam a privacidade dos usuários, enganam intencionalmente os consumidores, dão ao Google e a seus funcionários o poder de aprender detalhes íntimos sobre a vida de indivíduos, interesses e uso da internet”, escreveram os autores da denúncia. A ação pede US$ 5 mil por usuário, cerca de R$ 25 mil, ou três vezes os danos reais, o que for maior.

Este não é a primeira acusação de violação de privacidade que o Google recebe. Na última semana, o procurador-geral do Arizona apresentou uma queixa alegando que a empresa rastreia ilegalmente os usuários com base em várias fontes de dados de localização. Além disso, a gigante tecnológica enfrenta processos pelo mesmo motivo na Austrália e no Reino Unido.

Veja Mais:  Antes do lançamento, Android 11 chega a Google Pixel 4; veja as novidades

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Antes do lançamento, Android 11 chega a Google Pixel 4; veja as novidades

Publicado


source
Android 11
Divulgação/Google

Alguns celulares Google Pixel 4 receberam o Android 11


A versão beta do Android 11 começou a ser disponibilizado para alguns usuários do Google Pixel 4 no que parece ter sido uma falha da empresa. A versão beta do sistema operacional seria anunciada oficialmente nesta quarta-feira (03), mas o evento foi adiado depois do caso George Floyd

Alguns recursos que já tinham sido vazados anteriormente foram confirmados no Android 11 que chegou aos Pixel 4. Uma delas é um player de música diretamente na barra de notificações. O quadro muda de tamanho de acordo com qual painel de configurações está aberto. Confira nas imagens abaixo:

Andorid 11
Reprodução/XDA Developers

Player de música aparece direto na barra de notificações


Outro recurso que apareceu nessa versão do Android é a API Controls, que permite que desenvolvedores adicionem controles de casa conectada à tela de desligar ou reiniciar o celular

Notificações tipo bolha (como as adotadas pelo Messenger ) e capturas de tela que permitem a rolagem da tela também estão presentes no Android 11 . A chegada da nova versão beta do sistema operacional em alguns dispositivos antes mesmo do anúncio oficial pode indicar que o Android 11 está mais pronto do que se esperava, e que a liberação oficial pode acontecer em breve.

Veja Mais:  Google é acusada de roubar dados dos usuários; entenda

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Novo dongle Android TV tem imagens vazadas; confira

Publicado


source

Olhar Digital

Android TV Google
Reprodução/XDA Developers

Sabrina é o codinome do novo dongle do Android TV, que teve suas imagens vazadas


O Google vai lançar em breve um dongle Android TV  com controle remoto, e o dispositivo teve suas primeiras imagens vazadas hoje. Conhecido pelo codinome Sabrina, o novo dongle pode ser lançado com a marca Google Nest, embora isso ainda não esteja confirmado pelo Google.

O dongle é responsável por permitir que qualquer televisor tenha recursos de smart TV disponibilizados pelo sistema Android TV. De acordo com o site XDA Developers, o seu controle remoto lembra o controle do antigo headset VR Google Daydream, com um botão circular maior, e seis botões logo abaixo.

Os botões teriam as funções de voltar, acionar o assistente, ir para a home, acessar os favoritos, tocar e pausar, e silenciar o volume. Além disso, o controle também deve contar com um microfone para comandos em voz.

Leia também: Novidades do Android 11 vazam em vídeo; assista

Uma das imagens destaca a possibilidade de mostrar alertas e a transmissão da câmera da porta de casa com uma campainha Google Nest ou outra câmera compatível. Esse recurso já é possível em telas com o Google Assistente, mas faz todo o sentido integrar a funcionalidade com o dongle Android TV.

Ainda segundo os relatos, o dongle Android TV vai contar com Dolby Vision. O site também diz que ele terá um processador da Armlogic, mas não sabe especificar qual seria.

Veja Mais:  Novo dongle Android TV tem imagens vazadas; confira

Além das opções de cores tradicionais preta e branca, o dongle Sabrina deve ter uma nova cor, em um tom pastel de rosa. O preço do novo dongle Android TV do Google deve ser de US$ 80 (R$ 416 em conversão direta), o mesmo preço que está sendo especulado para o Mi TV Stick da Xiaomi .

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana