Esportes

Estádio Dutrinha passará a contar com placar eletrônico após obra de reestruturação

Publicado

Foto: Assessoria

A reforma e reestruturação no Estádio Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha, garante ao templo do futebol mato-grossense a instalação de um placar eletrônico em LED, que permitirá ao torcedor a visualização límpida de informações inerentes às partidas realizadas no local. O processo de aquisição do equipamento está em andamento e é efetuado por meio do Pregão Eletrônico 037/2021.

O edital montado pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer em parceria com a Secretaria Adjunta Especial de Licitações e Contratos estabelece que o equipamento deve seguir especificações como medida de 6,50m x 2,50m e dígitos de 40cm, sendo possível mostrar a contagem de gols, nomes das equipes e tempo de partida. A abertura das propostas tem previsão de ocorrer na próxima sexta-feira (22).

A proposta vencedora do pregão eletrônico será aquela considerada a de menor preço do lote, seguindo os critérios fixados pela Lei Federal 8.666/93, que dispõe sobre as normas para licitações e contratos na administração pública. Mediante a apresentação de documentos, a empresa deverá comprovar a capacidade técnica para execução do serviço, que terá que ser realizado em até 30 dias após assinatura da ordem de fornecimento.

“É um equipamento imprescindível para a realização de jogos no local. Espera-se, com isso trazer novamente o estádio Dutrinha ao cenário do futebol mato-grossense, bem como torná-lo um espaço moderno, adequado para torcedores e eventos, tornando-o mais agradável e confortável visando o fortalecimento do esporte na Capital”, justifica a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, no edital.

Veja Mais:  Árbitros da FMF participam do projeto Renovação de Arbitragem Brasileira da CBF

O Estádio Presidente Dutra, pertencente à Prefeitura de Cuiabá desde julho de 2011 e foi declarado “Tombado como Patrimônio Histórico de Cuiabá-MT”, pela Lei Municipal 2.761 de 25/05/1990, de autoria do, na época, vereador Emanuel Pinheiro, como forma de preservá-lo. Entre 2010 e 2014 foi o principal estádio de Mato Grosso devido a demolição do Estádio Verdão para dar lugar a atual Arena Pantanal.

Neste ano, o estádio chegou ser cedido, temporariamente, à Confederação Sul-Americana de Futebol e foi utilizado como centro de treinamento das seleções que participaram da Copa América. Desde sua construção, em 1952, ele passa pela maior obra de reestruturação. A reforma foi iniciada em 2019 e recebe o investimento de aproximadamente R$ 2 milhões, aplicado pela gestão Emanuel Pinheiro.

Comentários Facebook

Esportes

Com inicio de carreira no União E.C, atacante Marcelinho é contratado pelo Concórdia-SC

Publicado

Foto: Ricardo Artifon/CAC

A direção concordiense confirmou nesta terça-feira a contratação do atacante Marcelinho para a disputa do Campeonato Catarinense 2022, o atleta estava atuando pela equipe do São Bernado.

Marcelo H. Ferreira Júnior, tem 22 anos e iniciou sua trajetória no União Rondonópolis (MT), e ainda tem passagens pela equipe do Penapolense (SP) e desde a temporada 2020 vestia as cores do São Bernardo, o qual disputou a A2 do Campeonato Paulista, conquistando o acesso para a elite do futebol paulista com o título em 2021.

Foto: Ricardo Artifon/CAC

“O torcedor pode esperar raça, empenho e vontade para junto com o grupo conquistar os objetivos traçados, será um grande campeonato e buscaremos deixar o Concórdia na parte de cima da tabela”, destacou o atleta.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Veja Mais:  Veja os gols; União sai na frente do Dom Bosco na primeira final da Copa FMF 2021
Continue lendo

Esportes

Já estão á vendas ingressos para Final da Copa FMF entre União E.C x Dom Bosco

Publicado

Foto: Kelson Abrão

O União decidirá o título da Copa FMF 2021 nesta sexta-feira (10), aniversário de Rondonópolis, ás 15h30, diante da sua torcida no Estádio Luthero Lopes contra a equipe do Dom Bosco. Para este jogo a diretoria colorada não cobrará ingressos de mulheres e crianças acompanhado de pagantes.

Os ingressos já estão sendo vendidos de forma antecipada, no Boca Esporte (Centro), Conveniência Dantas (Luz da Yara), Pika Pau Conveniência (Rodovia do Peixe) e CT do União (Jardim Iguassu), no valor de, a inteira R$20,00 e meia entrada R$10,00.

A diretoria pede que o torcedor esteja atentos ao Protocolo COVID 19: Carteira de vacinação, Máscara e Resultado de exame COVID.

O União está invicto na competição, no jogo da ida da final venceu o Dom Bosco pelo placar de 2 a 0 na Arena Pantanal.

Para este jogo o União tem a vantagem de poder perder até por um gol de diferença que que conquista o título.

O Dom Bosco tem a difícil missão de vencer por três gols de diferença para levantar o caneco, caso vença por dois gols de diferença, o título será decidido nos pênaltis.

O Campeão da Copa FMF garante vaga na Copa do Brasil 2022.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Veja Mais:  Árbitros da FMF participam do projeto Renovação de Arbitragem Brasileira da CBF
Continue lendo

Esportes

Circuito Brasileiro Sub-17 realizado em Cuiabá consagra nova geração de vôlei de praia do país

Publicado

Um dos principais torneios das categorias de base de vôlei de praia, a etapa única do Circuito Brasileiro Sub-17 trouxe para Cuiabá uma geração de novos talentos da modalidade em busca de aprimoramento e, claro, do título nacional. Jovens atletas de todo o país representaram seus Estados na competição que, nesta terça-feira (07.12), consagrou como campeãs as duplas Gabriel e Dudu (PB), no masculino, e Nina e Isa (RJ), no feminino.

Com 51 duplas (27 femininas e 24 masculinas), o Circuito sub-17 foi realizado na mesma estrutura que acolheu a categoria adulta no Circuito Brasileiro Open de Vôlei de Praia, no estacionamento do ginásio Aecim Tocantins. Ambas as competições nacionais foram promovidas pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e Federação Mato-grossense de Voleibol (FMTV) em parceria do Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Para o secretário adjunto de Esporte e Lazer da Secel, Jefferson Carvalho Neves, esse formato do Circuito Brasileiro, que reúne num mesmo espaço o voleibol adulto e o juvenil, traz benefícios para o fortalecimento do esporte.

“A realização dos dois torneios praticamente num mesmo período possibilita que os atletas mais jovens tenham contato, usem os mesmos equipamentos e joguem na mesma arena que seus ídolos. É o que a gente chama de pedagogia do exemplo pois traz inspiração e mostra que é possível alcançar sonhos por meio de muito trabalho, treinamento e dedicação”, expõe Jefferson.

Veja Mais:  Investigador garante primeiro lugar em campeonato de jiu-jitsu em Brasília

Inspiração foi justamente o que não faltou para o atleta Gabriel Felipe, de João Pessoa (PB), campeão do Campeonato Brasileiro Sub-17. Parte da família do jogador de 16 anos é praticante de vôlei de praia, incluindo seu avô de 81 anos e o primo Vitor Felipe, que ao lado de Thiago, ficou em 4º lugar no Circuito Open realizado em Cuiabá.

“Estou muito feliz pelo título. Não esperava tanto calor, foi muito pegado, mas deu tudo certo. Jogo desde criança, há oito anos, minha família inteira joga vôlei. E o estímulo é ainda maior de ver os melhores jogadores do país na competição adulta, fico mais inspirado pra jogar, tentando ser igual a eles”, declara Gabriel.

Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia em Cuiabá

De 01 a 05 de dezembro, a capital mato-grossense foi sede da quinta etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia Open, vencida pelas duplas Alisson/Guto e Talita/Rebecca.  A competição realizada em Cuiabá também consagrou as duplas de Evandro/Álvaro Filho e Carol Solberg/Bárbara Seixas como campeões da temporada.

A mesma estrutura montada no estacionamento do ginásio Aecim Tocantins ainda acolheu a etapa única do Circuito Brasileiro Sub-17 de vôlei de praia, realizado de 05 a 07 de dezembro.

As duplas Nina/Isa (RJ), e Dudu/Gabriel (PB) garantiram o título do campeonato brasileiro Sub-17. Completaram o pódio feminino, as duplas Clara e Raissa (PB), com o segundo lugar, e Maila/Giovanna (RJ), em terceiro;  Gustavo/Vinícius(PR) e Henrique/Guilherme (PE), prata e bronze no masculino, respectivamente.

Veja Mais:  Já estão á vendas ingressos para Final da Copa FMF entre União E.C x Dom Bosco

Mato Grosso foi representado no Circuito Brasileiro Sub-17 pelas duplas Vitor Hugo/ Alisson, no masculino, e Julia/Sofia, no feminino.

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana