Policial

Polícia Civil deflagra operação contra ramificação de facção que agia na região Sul do Estado

Publicado

Foto: Assessoria-PJC

Uma organização criminosa responsável por planejar e executar diversos crimes em cidades da região Sul de Mato Grosso foi alvo da operação Insurgente, deflagrada na manhã desta sexta-feira (27) pela Polícia Judiciária Civil.

Dos 87 mandados judiciais (31 de buscas e 56 de prisões) apenas duas ordens de prisão seguem em diligências na operação que é coordenada pela Delegacia de Primavera do Leste e pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Os 54 presos (entre pessoas soltas e reeducandos de unidades prisionais) estão sendo conduzidos para unidades da Polícia Civil nos municípios Cuiabá, Sinop, Primavera do Leste, Rondonópolis, Pedra Preta, Alto Araguaia e Poxoréu. Eles vão passar por interrogatório na manhã desta sexta-feira (27) e em seguida serão apresentados em audiência de custódia.

De acordo com a delegada Ana Maria Machado Costa, titular da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Primavera do Leste, a investigação resulta em trabalho de apuração de aproximadamente 10 meses com foco na ramificação da organização criminosa que atua na região Sul do Estado.

Por meio de um trabalho técnico e intenso foi possível apontar o papel de cada membro dessa facção criminosa que esta por trás da prática de crimes como roubo, tráfico de drogas, homicídios, latrocínio e aliciamento de menores por meio de ‘filiação/batismo’ para a prática de diversos delitos”, destaca a delegada.

Veja Mais:  Autor de tentativa de homicídio tem prisão cumprida em Várzea Grande

As investigações sugerem que a liderança, chamada de “Conselho Final” seria de reeducandos da Penitenciária Central do Estado (PCE) que passaria as determinações para lideranças (apelidadas de “vozes finais”) presas no Presídio da Mata Grande, em Rondonópolis e estas repassariam as ordens para os “disciplinas”, pessoas soltas para que executassem o acordado pela quadrilha.

O grupo agia buscando liderar o comércio ilícito (de entorpecentes) – cobrando uma espécie de aluguel de cada boca de fumo e coagindo os pequenos traficantes para que comprassem a droga de pessoas indicadas por eles. Embora não seja o caso de Primavera do Leste, em algumas cidades, a organização criminosa chegava a intimidar também o comércio lícito exigindo que comerciantes ‘pagassem’ para não ser assaltados, por exemplo”, explica a delegada.

Repressão qualificada

O Secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, ressalta que “o planejamento estratégico prevê o fortalecimento da repressão qualificada contra as facções criminosas. Desta forma a atividade de inteligência vem atuando em todos os municípios de Mato Grosso, subsidiando grandes investigações, que estão desarticulando o crime organizado. Este enfrentamento é fundamental para contenção dos índices de roubos e homicídios que estão em declínio desde 2015”, afirma.

A operação Insurgente mobilizou policiais das delegacias da cidade de Primavera do Leste, Poxoréu, Campo Verde, Paranatinga, Sinop, e Delegacias de Rondonópolis, Alto Araguaia, Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), Gerência de Operações Especiais (GOE), além de apoio do Ciopaer, e Diretoria de Inteligência e Diretoria de Interior, da Polícia Judiciária Civil. São ao todo 102 policiais mobilizados, 28 viaturas, e uma aeronave.

Veja Mais:  PRF mantém esforço concentrado no feriado de prolongado de Ano Novo

Fotos: Assessoria- PJC

Comentários Facebook

Policial

Vereador por Cuiabá, Marcos Paccola mata policial penal na noite desta sexta-feira

Publicado

O vereador por Cuiabá, Marcos Ticcianel Paccola, mais conhecido como coronel Paccola (Republicanos), matou um agente do Sistema Socioeducativo na noite desta sexta-feira (1), próximo à praça 8 de Abril, região central de Cuiabá.

O agente é conhecido como Japão. Conforme informações levantadas no local do crime, o vereador atirou após o agente reagir e continuar insistindo na discussão com uma mulher.

A assessoria do vereador confirmou o crime. Disse ainda que o parlamentar se encontra na delegacia.

Cerca de duas após o crime, o corpo da vítima continua no local, que está sendo resguardado pela Polícia Militar para em seguida iniciar a perícia.

Parentes da vítima chegaram ao local, assim como amigos de trabalho, e se depararam com a triste cena. Eles lamentaram e choraram próximo do corpo.

Veja a nota da assessoria do vereador 

Segundo a assessoria do parlmentar, o tenente-coronel avistou um homem apontando uma arma para um mulher e teria parado para prestar socorro.

Ao perguntar para o suspeito do ocorrido, o mesmo atirou conta Paccola, que se defendeu do atirador.

No local há diversas testemunhas do ocorrido ao qual declaram que Paccola agiu em legítima defesa.

Veja Vídeo

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Veja Mais:  Autor de tentativa de homicídio tem prisão cumprida em Várzea Grande
Continue lendo

Policial

Polícia Militar intensifica policiamento durante o 35º Festival de Inverno em Chapada dos Guimarães

Publicado

A Polícia Militar de Mato Grosso intensificará o policiamento preventivo e ostensivo durante a 35º edição do Festival de Inverno em Chapada dos Guimarães, que começa nesta sexta-feira (01.07). As ações de policiamento visam garantir a segurança do público e do trânsito na rodovia estadual MT-251.

O policiamento presente será coordenado pelo Primeiro Comando Regional da Polícia Militar, por meio da 1ª Cia Independente da PM, com a intensificação do efetivo de policiais militares e de viaturas presentes.

Além disso, estarão presentes o reforço do Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), Força Tática, Regimento de Policiamento Montado (Cavalaria), Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) e um helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), cedido pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

O principal objetivo é inibir e evitar a prática de quaisquer ações delituosas, identificar e efetuar a prisão de infratores da lei, realizar apreensão de armas, substâncias entorpecentes e veículos irregulares, bem como inibir o consumo exagerado de bebidas alcoólicas, especialmente para direção de veículo automotor. 

A Polícia Militar ainda irá cooperar com as demais autoridades policiais e judiciárias na prevenção e repressão aos delitos ocorridos no âmbito de suas competências.

O Batalhão da Polícia Militar de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran) realizará o policiamento visando a segurança dos condutores que passarem pela rodovia MT-251, que liga Cuiabá à Chapada dos Guimarães, com a checagem de veículos e condutores, testes de etilômetros, comboios rodoviários e ponto de paradas ao longo da rodovia.

Veja Mais:  Homem é preso por tráfico de drogas no bairro Tancredo Neves em Rondonópolis

Além das ações de policiamento ordinário, serão realizadas junto a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), a Operação Lei Seca, visando a segurança dos motoristas e passageiros que passarem pela rodovia.

O evento, que conta com apoio do Governo do Estado, será realizado em todos os fins de semana entre os dias 01 de julho e 13 de agosto, com entrada gratuita. O festival conta com atrações nacionais e locais, e tem estimativa de público de 300 mil pessoas, ao longo do evento.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende mulher envolvido em golpe de R$ 100 mil contra vítima da Paraíba

Publicado

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá, prendeu em flagrante uma mulher envolvida em golpe na modalidade “falso intermediador de vendas”, no valor de R$ 100 mil, praticado contra uma vítima do estado da Paraíba.

Segundo as informações, uma pessoa anunciou a venda de um veículo Jeep Compass, em um site de compra e venda pela internet, e um estelionatário copiou o anúncio colocando um preço mais baixo. A vítima se interessou pelo veículo anunciado pelo golpista, efetivando o negócio, acreditando transferir o valor para o verdadeiro proprietário do automóvel.

O valor transferido foi enviado para a conta bancária de uma mulher, moradora de Cuiabá, e integrante do grupo criminoso envolvido nos golpes. Assim que a equipe de policiais da Delegacia de Estelionato foi comunicada dos fatos, iniciou as diligências para localizar a mulher, realizando a prisão em flagrante.

Em checagem no sistema, foi constatado que a suspeita responde por outras fraudes na mesma modalidade, aplicadas contra vítimas de quatro estados.

Diante dos fatos, a suspeita foi conduzida à Delegacia de Estelionato, onde foi autuada em flagrante pelos crimes de estelionato e associação criminosa, tendo a delegada Judá Marcondes representado pela conversão da sua prisão em flagrante em preventiva.

“A prisão preventiva é necessária para manutenção da ordem pública, uma vez que ficou comprovada a reiteração de conduta e a constituição de grupo criminoso, com o fim de cometer fraudes em todo território brasileiro”, explicou a delegada.

Veja Mais:  Homem é preso por tráfico de drogas no bairro Tancredo Neves em Rondonópolis

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana