Famosos

“A Porta da Frente” vê necessidade de retratar preconceito: “Importância máxima”

Publicado

Banner da promoção para desconto na peça
Divulgação

Banner da promoção para desconto na peça

O espetáculo
“A Porta da Frente”, escrito por  Julia Spadaccini
e com direção de Marcelo Varzea, está em cartaz em São Paulo, no teatro Renaissance, abordando dois assuntos importantes
: as relações familiares de uma família tradicional e o preconceito contra um “crossdresser”, pessoa que gosta de usar roupas do sexo oposto, apenas isso.

Em  “A Porta da Frente
”, Rui e Lenita estão em um casamento morno e vivem frustrados com a união e seus trabalhos. Eles são pais de um casal de gêmeos, dois jovens estudantes. Na casa da família ainda mora Dona Marilu, mãe de Lenina, que sofre de Alzheimer, ou não. Bem, a vida de toda essa turma muda quando Sacha, um crossdresser se muda para o apartamento da frente.

A partir daí, a peça começa a mostrar o preconceito que o rapaz acaba tendo que enfrentar dessa família, que não vive uma boa relação. Em entrevista ao iG, Miriam Mehler, a Dona Marilu, conta um pouco sobre sua personagem. “Faço uma mãe e uma avó e ela de vez em quando tem um Alzheimer. E fala sempre, confunde as pessoas, mas, na verdade, é a única que não tem preconceitos, ela em primeira instância leva um susto, depois se torna a mais avançada da turma”, comenta ela.

Elenco em cena da peça
Caio Gallucci

Elenco em cena da peça “A Porta da Frente”

Para Miriam, sua personagem é muito encantadora e o fato dela ter Alzheimer deixa tudo em um tom de comédia. “Você nunca sabe se ela esta falando porque está com Alzheimer, ou se está falando a verdade”, explica. “É um personagem pequeno, mas fascinante”.

Veja Mais:  Marina Ruy Barbosa posa com body transparente e esbanja beleza

Sandra Pêra, a Lenita na peça, também falou de sua personagem, que por viver em um relacionamento morno, acaba descobrindo o mundo virtural e fica encantada, indo parar em um site de encontros. “Ela tem um namoradinho virtual e fica deslumbrada com isso”, conta.

Apesar disso, Lenita não tem coragem de acabar com seu casamento de anos, mas continua mantendo contado com seu amante virtual, mesmo dando a entender para a mãe que não está nada feliz com seu relacionamento. Inclusive, Dona Marilu sugere que ela dê uma escapadinha.

Sandra vê o novo vizinho como um homem que vai modificar cada membro de sua família: “Ele é um professor de canto e um homem que gosta de se vestir de mulher. Ele modifica tudo, porque todo mundo tem muito preconceito”, continua a atriz.

Ao falar de seu personagem, Roney Facchini, que interpreta Rui, mostra o quanto realmente sua família é daquelas bem tradicionais: “Ele é um personagem popular, uma pessoa muito profunda, que tem uma vida comum e previsível. É um corretor de imóveis que sustenta a família com muita dificuldade”, explica. “Ele não consegue nem levar a esposa no cinema para você ver como a grana é curta. E o sonho dela é ir ao cinema, comer pipoca e tomar refrigerante”.

De acordo com o ator, esse cotidiano é abalado com a chegada do vizinho, de quem Rui acaba se aproximando. “Ele (Rui) vira outra pessoa, vira uma pessoa aberta e, por isso, se torna uma pessoa incompreendida dentro de casa”, completa.

Veja Mais:  Preta Gil posa sensual e anuncia fim das fotos usando biquíni

Preconceito em “A Porta da Frente”

Cena do espetáculo teatral A Porta da Frente, já em cartaz na cidade de São Paulo

Caio Gallucci

Cena do espetáculo teatral A Porta da Frente, já em cartaz na cidade de São Paulo

Os três atores concordam o quanto é importante falar do preconceito, seja ele qual for. Para Miriam, as pessoas saem da peça pensando por que as pessoas têm que ter tanto preconceito, quando aquelas que sofrem acabam fazendo bem para os outros. “Essa peça mostra exatamente isso: uma pessoa que é descriminada e que faz muito bem às pessoas”, comenta. O preconceito em qualquer nível e situação é péssimo e as pessoas saem pensando nisso, embora se divirtam muito”, completa.

Já Sandra, faz questão de elogiar Julia, autora do espetáculo,  e a forma como ela escreveu o texto. “O público senta ali e percebe tudo, entende, se identifica. Todo mundo sabe o que é o preconceito e é mentira quem disse que nunca teve preconceito. De alguma maneira já teve.”

Roney finaliza falando que a ideia de fazer ” A Porta da Frente
”  para Julia Spadaccini e Marcelo Varzea veio exatamente para falar de preconceito. “A importância é máxima, é 100%. Nós estamos a beira de um colapso e temos que alertar nossa sociedade contra possíveis passos atrás. O Brasil é um país moderno, jovem, existe a liberdade, mas ainda tem uma ameaça”, finaliza.

Comentários Facebook

Famosos

João Guilherme responde acusações de gordofobia: “Sou moleque”

Publicado

O ator João Guilherme, do SBT , se envolveu em uma polêmica nesta sexta-feira (27) ao se referir a uma mulher como “peixe-boi” em um de seus stories no Instagram.

Leia também: Thammy Miranda diz que preconceito o impede de conseguir trabalhos

João Guilherme arrow-options
Divugação

João Guilherme


No vídeo gravado por ele, João Guilherme aparece dizendo: “Olha que bonitinho, tem um monte de peixe aqui. Tem peixe-boi aqui também”, disparou e apontou a câmera na direção de uma mulher. Os internautas não gostaram do que viram e acusaram o ator de gordofobia .

Leia também: Blogueira é acusada de racismo ao falar que estava suja por encostar em preto

Poucas horas depois o filho do cantor Leonardo usou sua conta no Twitter para se desculpar sobre o ocorrido. “Venho aqui pedir desculpas sinceras pelo o que disse. Falei besteira e não sou a favor de brincadeiras e colocações como essa, mesmo. Não fico feliz com a repercussão disso e quem me acompanha sabe que eu não tenho maldade na fala e nem no pensar, minhas sinceras desculpas. Sei que muitos temos problemas com corpo e isso não é coisa para se brincar. Minha família me educou bem, sim, maldade não é da minha índole. Mais uma vez, desculpa, a noção passou longe. E sou moleque”, afirmou.

Leia também: Thais Carla processa nutricionista por gordofobia: “Justiça sendo feita”

Veja Mais:  Preta Gil posa sensual e anuncia fim das fotos usando biquíni

“Sei que pela internet não é fácil de se sensibilizar com um pedido de desculpas. Um pedido on-line fica superficial, mas é o que está ao meu alcance. O que falei foi errado, me sinto mal por ter falado o que disse, no tom que disse. Peço desculpas sinceras a todos que se ofenderam, prestando atenção no que disse… Sou novo, tô aprendendo a lidar com erros e com outros. Parte do aprendizado é pedir desculpas e não cometer o mesmo erro duas vezes. Como uma pessoa do bem vocês não verão mais maldade na minha fala”, finalizou João Guilherme .


Comentários Facebook
Continue lendo

Famosos

Atrizes da Globo negam acusação de assédio moral contra Marcius Melhem

Publicado

As humoristas da Globo , Maria Clara Gueiros e Renata Castro Barbosa usaram suas redes para negar que tenham sido vítimas de assédio moral pelo coordenador do departamento de humor, Marcius Melhem, como informou o colunista Leo Dias.

Leia também:Repórter da Globo leva “puxão de orelha” do marido e se retrata ao vivo; assista

Marcius Melhem arrow-options
Divulgação

Marcius Melhem


A primeira a se manifesta foi Maria Clara Gueiros que escreveu em seu Instagram: “Eu não fui vítima de assédio moral e não fiz denúncia”, garantiu a atriz da Globo .

Leia também: Vacas magras! Globo fica no prejuízo com Especial de Roberto Carlos

Já a assessoria de imprensa de Renata Castro Barbosa informou: “Comunicamos que a atriz não fez qualquer denúncia contra Marcius Melhem nem sofreu assédio moral, segundo anteriormente ublicado pelo colunista Leo Dias. O nome da atriz, inclusive, já foi retirado da matéria por ele”.

Enquanto isso, Dani Calabresa , que seria uma das denunciantes, não se posicionou sobre o assunto.

Leia também: MC Carol denuncia romantização do machismo em novela da Globo

Em nota, a Globo disse que “todo relato de assédio, moral ou sexual, na Globo é apurado criteriosamente assim que tomamos conhecimento. A Globo reafirma que não aceita qualquer tipo de assédio e, neste sentido, mantém um canal aberto para denúncias de violação às regras do Código de Ética do Grupo Globo “.

Comentários Facebook
Veja Mais:  De cowboy, Gracyanne Barbosa impressiona com barriga sarada
Continue lendo

Famosos

Repórter da Globo leva “puxão de orelha” do marido e se retrata ao vivo; assista

Publicado

Pedro Figueiredo, repórter da TV Globo do Rio de Janeiro, revelou ao vivo que levou “puxão de orelha” do marido Erick Rianelli, que também é jornalista, por causa de uma afirmação que fez durante o “Bom Dia Rio”.

Leia também: Ana Maria Braga surge nua e lembra: Foi um show de horrores

repórter pedro figueiredo, da Globo, e o marido arrow-options
Reprodução/Instagram/@pedfig

Pedro Figueiredo, da TV Globo, ao lado de Erick Rianelli, seu marido

O repórter estava na rodoviária para cobrir a saída de alguns cariocas para o ano novo e contou aos âncoras da Globo que o companheiro o questionou sobre ele ter comentado alguns momentos antes que passaria o Réveillon em Búzios.

Leia também: Primeiro Papai Noel negro da Globo vira sensação na internet

“Vocês me deixaram agora em maus lençóis. Vocês perguntaram se eu ia embarcar, eu disse que iria para Búzios. Já tomei um puxão de orelha do meu marido, já! Pode ficar tranquilo que eu vou passar o Réveillon aqui, no Rio de Janeiro”, garantiu Pedro Figueiredo .

Leia também: Jornalista da RedeTV! vira correspondente em NY e acaba demitida pela emissora

O jornalista da Globo e Erick Rianelli se conheceram em 2013 e se casaram em maio de 2018. Na ocasião, passaram a lua-de-mel na Argentina.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Jornalista Fernanda Alves investe em Fabio Assunção
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana