Policial

Autor de homicídio contra sogra e tentativa contra esposa em Chapada dos Guimarães é preso pela Polícia Civil

Publicado

A Polícia Judiciária Civil prendeu um homem de 41 anos apontado como o autor do homicídio contra a sogra, e tentativa de homicídio contra a companheira, praticados no final de julho em Chapada dos Guimarães. O suspeito foi preso na noite de segunda-feira (06) no município de Campo Verde.

O investigado Carlos Augusto da Silva,41,  possui passagens por um homicídio anterior, do qual era foragido, e teve outras passagens por crime de lesão corporal, no contexto da Lei Maria da Penha, por agressão a esposa. Ele estava escondido na casa de familiares desde o cometimento do crime, em 30 de julho.

A esposa do suspeito, M.B.M., 49, relatou que o seu marido estava ingerindo bebida alcoólica quando começou a discutir com a sogra e em seguida partiu para agressão física (socos). A vítima tentou fugir, entrando em seu veículo, porém sem saber que o suspeito havia jogado combustível no carro.

Em seguida, o agressor ateou fogo no veículo fazendo com que as duas vítimas sofressem queimaduras pelo corpo e fossem encaminhadas para o Hospital de Chapada dos Guimarães. Em estado mais grave, a sogra, M.T.S.M., 73, foi encaminhada para o Pronto Socorro de Cuiabá, onde morreu na segunda-feira (06.08), devido aos ferimentos. 

De acordo com o delegado à frente do caso, Marcelo Melo de Laet, o suspeito responderá pelos crimes de homicídio qualificado contra a sogra e tentativa de homicídio contra a esposa, dentro do âmbito da lei Maria da Penha.

A prisão foi realizada por policiais civis de Chapada dos Guimarães e Campo Verde.

Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil presta conta de recursos destinados a ações de combate ao crime organizado

Policial

Homem é detido por manter a esposa em cárcere privado em Marcelândia

Publicado


Um homem de 36 anos foi preso na manhã desta quinta-feira (17.06), por cárcere privado, na cidade de Marcelândia (a 710 km de Cuiabá). Os policiais da 3ª Companhia foram informados pela sobrinha da vítima, que a tia era mantida presa em casa pelo marido. Ela temia pela vida da parente, devido o homem ter uma arma de fogo.

No imóvel, o denunciado estava do lado de fora e a mulher sentada na área. Questionada pelos policiais, ela confirmou a informação de não poder sair de casa e ser constantemente ameaçada.

Ela entregou uma bolsa com a arma, sendo verificado se tratar de uma réplica de pistola. O homem negou a denúncia e foi conduzido à delegacia.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  PM impede fuga e prende suspeitos de roubo a posto de combustível na capital
Continue lendo

Policial

Jovem com mandado de prisão em aberto é preso pela Polícia Civil em Sinop

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Mais um foragido da Justiça foi preso pela Polícia Civil, no final da tarde de quarta-feira (16.06), em Sinop (500 km ao norte de Cuiabá), durante investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O procurado de 26 anos estava com o mandado de prisão decretado pelo juízo da 3ª Vara Criminal da Comarca local, acusado de crime de roubo majorado.

Em diligências visando intensificar o combate aos crimes patrimoniais, bem como dar cumprimento aos mandados de prisões expedidos pelo Poder Judiciário, os policiais civis da Derf abordaram o jovem que estava com pedido de prisão em aberto.

Após cumprimento judicial o suspeito foi conduzido até a Central de Flagrante de Sinop, para as providências cabíveis e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Polícia Civil presta conta de recursos destinados a ações de combate ao crime organizado
Continue lendo

Policial

Suspeito de feminicídio em Araputanga é preso em flagrante pela Polícia Civil, na Capital

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil prendeu em flagrante na manhã desta quinta-feira (17), em Cuiabá, o suspeito pelo homicídio qualificado cometido contra a jovem Dennila Cris Dantas Barbosa, 19 anos. O crime ocorreu na tarde de quarta-feira, em Araputanga, na região oeste do estado, e é investigado pela Delegacia da Polícia Civil do município como feminicídio. O suspeito, de 24 anos, não teria aceitado o término do relacionamento à distância que mantinha com a vítima.

O suspeito foi preso em um centro de comércio popular, no bairro do Porto, pelas equipes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá e Derf de Cuiabá, em apoio à Delegacia de Araputanga, após troca de informações entre as unidades policiais sobre a identidade do suspeito.

De acordo com os delegados da DHPP, Caio Fernando Albuquerque e Marcel Oliveira, que conduziram as buscas pelo suspeito, ele foi localizado em uma loja, onde tranquilamente fazia uma compra. Ao ser abordado e identificado, os policiais civis encontraram com ele um notebook da vítima.

Crime

Dennila foi encontrada pela mãe no chão do quarto de sua residência, no centro de Araputanga. O corpo apresentava golpes causados por objeto cortante na região do pescoço e no braço direito.

Conforme a apuração da Delegacia de Araputanga, o suspeito de cometer o crime é G.E.A.A., de 24 anos.

Veja Mais:  Polícia Civil presta conta de recursos destinados a ações de combate ao crime organizado

Uma faca foi encontrada na mão direita da vítima dando a entender que ela teria tentado contra a própria vida. Contudo, a apuração da Polícia Civil chegou à identificação do suspeito de cometer o crime, que manteve um relacionamento com a vítima e com quem ela havia terminado.

Durante as diligências, os policiais civis de Araputanga apuraram que uma pessoa estava no mesmo dia do crime insistentemente procurando condução para uma cidade vizinha e que depois teria vindo para a Capital.

Os investigadores levantaram as informações do suspeito e chegaram à identificação de que ele é natural da capital cearense, Fortaleza, e veio ao encontro da vítima com quem mantinha um relacionamento à distância. Anteriormente, Dennila havia ido até Fortaleza para encontrá-lo e depois ele veio a Mato Grosso.

De acordo com o delegado de Araputanga, Herbert Yuri Figueiredo Rezende, o suspeito cometeu o crime por não aceitar o término do relacionamento. Após praticar o homicídio, ele levou um notebook que havia dado de presente para a vítima.

Depois da prisão em Cuiabá, o suspeito foi encaminhado para a DHPP e posteriormente seguirá para Araputanga, onde será interrogado pelo delegado. Ele responderá por homicídio doloso com qualificadora em feminicídio.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana