Policia Federal

PF combate fraudes na obtenção de benefícios previdenciários

Publicado

São Paulo/SP – A Polícia Federal deflagrou hoje (22/8) a Operação Golpes Master, com o objetivo de desarticular uma quadrilha voltada para a obtenção fraudulenta do abono salarial / PIS em agências da Caixa Econômica Federal.

São cumpridos 8 mandados de busca e apreensão, em residências estabelecidas no município de São Paulo. O objetivo é colher provas e documentos utilizados pelo grupo criminoso. A ação da PF conta com 60 policiais.

A investigação foi iniciada há quatro meses, com a prisão de um dos integrantes do grupo criminoso. Após cruzamento das informações obtidas e comparações de imagens captadas pelas câmeras de vigilância das agências bancárias, tornou possível a identificação de vários autores.

O esquema criminoso consistia em obter informações privilegiadas de pessoas que tinham direito ao abono salarial atinente ao PIS. Com o uso de documento falso (normalmente a carteira de identidade), realizavam diversos saques em agências espalhadas pelo Estado de São Paulo. Somente nesta primeira fase da operação foi possível identificar 88 saques fraudulentos que, calcula-se aproximadamente, gerou um prejuízo para os cofres públicos de mais de R$ 80 mi.

 

O Programa de Integração Social – PIS é um programa do Governo Federal voltado para o financiamento do pagamento do seguro-desemprego, abono salarial e participação na receita dos órgãos e entidades. O abono salarial é pago anualmente, no valor máximo de um salário mínimo, para pessoas cadastradas no referido programa há mais de 5 anos, que tenha tido uma remuneração média no ano anterior até 02 (dois) salários mínimos, dentre outros requisitos.

Veja Mais:  Lava Jato: PF investiga desvios em contratos de rodovias federais

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em São Paulo

Contato: (11) 3538.5013 / e-mail: [email protected]

 

O nome da operação se deu em virtude de que a quadrilha havia formado uma empresa fictícia denominada “GOLPES MASTER” e, com frequência, postava pelas redes sociais fotos do dinheiro obtido com as fraudes praticadas.

 

Comentários Facebook

Policia Federal

Polícia Federal prende mulher transportando cerca de 2,5 kg de cocaína no Galeão

Publicado

Rio de Janeiro/RJ – Na manhã de hoje (27/12), a Polícia Federal prendeu uma mulher em flagrante. Ela tentava embarcar para Amsterdã/Holanda, transportando 2,235 kg de cocaína no Galeão.

A droga foi encontrada em um fundo falso durante a inspeção de bagagens pelo raio-x. 

 

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

[email protected] | www.pf.gov.br

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

 

Comentários Facebook
Veja Mais:  Lava Jato: PF investiga desvios em contratos de rodovias federais
Continue lendo

Policia Federal

PF realiza maior apreensão de cédulas falsas do ano no Ceará

Publicado

Fortaleza/CE – A Polícia Federal prendeu em flagrante, na manhã desta sexta-feira (27/12), uma pessoa, após ter recebido, em sua residência no Bairro Mucuripe, na capital cearense, uma encomenda postal contendo R$ 39.500 em cédulas falsas de R$ 100.

A jovem, que já foi autuada pela PF em março deste ano pelo mesmo crime (na ocasião, portava 84 cédulas falsas de R$ 10, R$ 50 e R$ 100), recebeu voz de prisão e foi encaminhada à sede da Superintendência Regional no Ceará, onde permanecerá à disposição da Justiça Federal do Ceará.

Essas ações são resultados dos trabalhos desenvolvidos pela PF no combate ao crime de moeda falsa. Incluindo a prisão de hoje, somente no mês de dezembro, sete pessoas foram presas em flagrante e um menor apreendido com cédulas falsas recebidas pelos Correios.

A apreensão de hoje é a maior realizada pela PF no Ceará, até o momento, em 2019. O crime de moeda falsa tem penas de reclusão de 3 a 12 anos e multa.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

Contato: (85)9.8970-0624

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF deflagra operação Pedra Afiada contra desvios de verbas públicas no sudoeste baiano
Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal prende homem recebendo dinheiro falso no Rio de Janeiro

Publicado

Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal prendeu em flagrante, na manhã de hoje (26/12), um homem, de 37 anos, ao receber notas falsas pelos Correios. A prisão ocorreu após uma denúncia anônima e aconteceu no bairro Engenho da Rainha.

A encomenda continha 10 notas de R$100 falsas, totalizando mil reais. As células possuíam até mesmo as marcas holográficas idênticas a das notas originais. 

Ele foi encaminhado até a Superintendência Regional no Rio de Janeiro e responderá pelo crime de moeda falsa, previsto no artigo 289, § 1º do Código Penal, podendo pegar de 3 a 12 anos de prisão.

 

 

 

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

[email protected] | www.pf.gov.br

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Comentários Facebook
Veja Mais:  PF, PM e FUNAI realizam fiscalização ambiental em terra indígena
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana