Policial

Polícia Civil autua falso arquiteto por exercício ilegal da profissão

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem que atuava como arquiteto sem a devida formação para a função teve a atuação ilegal descoberta em trabalho integrada do Delegacia Especializada do Consumidor (Decon) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado de Mato Grosso.

O suspeito, C.S.S., de 36 anos, prestou esclarecimentos na Decon, na terça-feira (03.12), e responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência, por exercício ilegal da profissão, previsto no artigo 47 da Lei de Contravenções Penais.

O falso arquiteto passou a ser investigado após o Conselho de Arquitetura e Urbanismo receber várias denúncias de que o suspeito oferecia cursos online, em que ensinava pessoas a fazerem o projetos de arquitetura sem a necessidade de um profissional especializado na área.

Segundo as apurações, o investigado possuía um canal o Youtube e um site, onde oferecia os cursos do programa “Revit” pelo valor de R$ 99, afirmando que qualquer pessoa estava apta para montar um projeto. Nos vídeos, o investigado ensinava passo a passo de como mexer no programa.

Interrogado pelo delegado, Antonio Carlos de Araujo, o suspeito confessou que curso 6 semestres de arquitetura, porém não concluiu o curso na faculdade.

Ele afirmou que é professor de BIM (Modelagem da Informação da Construção) software programado para desenhos arquitetônicos, possuindo curso ofertado pela empresa fabricante do software.

Ficando evidenciada a atuação irregular, o falso arquiteto responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por exercício ilegal de profissão ou atividade (conforme Lei das Contravenções Penais – 3.688/41 – relativas à organização do trabalho).

Veja Mais:  Deputados aprovam mudança nas regras de aposentadoria dos servidores públicos

 

Policial

Delegados e escrivães da região metropolitana participam de capacitação on-line sobre inquérito eletrônico

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Delegados e escrivães de Cuiabá, Várzea Grande e região metropolitana participaram na tarde de quinta-feira (13.08) de uma videoconferência para capacitação do acesso e manuseio do sistema PJe Criminal e implantação do inquérito eletrônico.

A reunião on-line foi realizada na sala de videoconferência da Coordenadoria de Tecnologia da Informação (Coti), sendo o treinamento ministrado pelo delegado, Ruy Guilherme Peral da Silva, titular da Delegacia de Poconé primeira unidade do estado a implantar e atuar com o sistema em sua integralidade.

Na capacitação foi explicado o funcionamento da nova plataforma de transmissão eletrônica ao Judiciário, do acesso on-line que está sendo desenvolvido pelos profissionais da Fábrica de Software, e a integração com o sistema PJe do Tribunal de Justiça, que possibilitará que o MPE realize o controle difuso e a fiscalização externa em tempo real, de forma rápida e segura.

Também foram passados informações, conceitos e situações práticas que possibilitam que os servidores estejam aptos para atuar com os procedimentos básicos do sistema, como a comunicação de autor de prisão em flagrante e de Termos Circunstanciados de Ocorrência (CO), solicitação de medidas protetivas de urgência, representação de medidas cautelares sigilosas distribuição de inquéritos policiais., além de serem apresentadas soluções para erros rotineiros que surgem no manuseio do sistema.

Ruy Guilherme explicou que o treinamento é uma fase necessária ao processo de operabilidade do sistema Cartorium e PJe Criminal uma vez que capacita os servidores a entenderam o funcionamento dos procedimentos, além de esclarecer diversas dúvidas que podem surgir durante o manuseio do novo sistema.

Veja Mais:  Polícia Civil prende dois homens em flagrante que tentavam extorquir vítima em Cuiabá 

“A Delegacia de Poconé fez parte do projeto piloto de integração do sistema, o que possibilitou ante ao alinhamento existente com a Coordenadoria de Tecnologia da Informação e realização de feedbacks dos servidores da unidade, o conhecimento das maiores dificuldades, assim como melhorias e sugestões para o desenvolvimento do sistema”, disse o delegado.

 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Homem é executado na frente do filho na Vila Mineira em Rondonópolis

Publicado

Foto do local do crime

Um homem, ainda não identificado, foi morto na noite desta quinta-feira (13) na região da Vila Mineira em Rondonópolis (MT).
Segundo informações o homem estava sentado em frente de sua residência, quando dois indivíduos se aproximaram em um motocicleta e o garupa disparou três tiros, acertando a cabeça da vítima, e fugiram do local.
Uma Equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local constatando o óbito. A vítima foi identificado sendo Rozenildo Pereira Gomes. 42 anos.
A Polícia investigará o caso.

Veja Mais:  PM lamenta morte de soldado da reserva remunerada em Barra do Garças
Continue lendo

Policial

PM lamenta morte de soldado da reserva remunerada em Barra do Garças

Publicado


.

A Polícia Militar informa com pesar o falecimento do policial militar soldado Jair Pereira dos Santos de 56 anos, nesta última quarta-feira (12) em decorrência da Covid-19, no município de Barra do Garças.

O soldado, após testar positivo para o novo coronavírus, ficou internado três dias na UPA, em seguida ele chegou a ser encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) devido a gravidade de seu estado de saúde, mas não resistiu e faleceu.

O militar que entrou para as fileiras da PM em março de 1990 foi atuante durante sua missão de servir e proteger à sociedade até seu ingresso para a reserva remunerada.

O Comando Geral da PM se solidariza e presta condolências aos familiares, amigos e colegas de trabalho pela irreparável e dolorosa perda. 

 

Fonte: PM MT

Veja Mais:  Deputados aprovam mudança nas regras de aposentadoria dos servidores públicos
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana