Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis inova com 1ª Autarquia do Transporte Coletivo de MT e catraca livre

Publicado

Neste dia considerado histórico para Rondonópolis, as primeiras horas marcaram o início das atividades das operações de rua da 1ª Autarquia do Transporte Coletivo (AMTC) de Mato Grosso, criada pela Prefeitura de Rondonópolis para assumir o serviço de transporte público que vinha sendo realizado  sob concessão pela empresa Cidade de Pedra. 

Inicialmente, o transporte dos passageiros está sendo realizado por 50 ônibus novos que foram adquiridos pelo município para compor a frota da autarquia, que chega como uma das mais modernas do Estado. Todos veículos contam com sistema de ar-condicionado, com ultrafiltragem e luz ultravioleta que inibem a propagação de vírus e bactérias, wi-fi, acessibilidade, tomadas para carregar celular, câmeras de monitoramento interno e sistema de telemetria.

Todavia, a ideia é de que a frota de ônibus da AMTC  tenha  80 veículos, visando garantir maior conforto, comodidade e segurança para os usuários do transporte coletivo municipal.

Durante esse momento de transição, estimado a princípio em cerca de três meses, o presidente da autarquia, Ivanilson de Oliveira Aguiar Júnior, explica que a gestão do serviço ficará por conta da autarquia e a mão de obra utilizada na operação dos ônibus ficará por conta da empresa Cidade de Pedra.

“Vamos aproveitar neste período de transição a mão de obra da Cidade de Pedra, até os trâmites jurídicos e legais da composição da estrutura da autarquia seja toda formatada e passe a adotar os mecanismos legais de contratação e funcionamento técnico administrativo gerencial”, explicou.
O valor da passagem não terá alteração. Mas, nestes primeiros dez dias de operação, o transporte de passageiros será gratuito. “Os ônibus estão circulando de graça em todas as linhas por cerca de dez dias para que a  população conheça os novos ônibus”, destaca a secretária de Governo, Ione Rodrigues Santos, durante coletiva com a imprensa nesta sexta-feira. “A gente, então, convida a  população para que venha conhecer este novo modelo de transporte público coletivo em Rondonópolis”. 

Veja Mais:  Prefeitura renova convênio para residência em Saúde da Família

Ela ressaltou que ônibus irão circular nas  linhas que eram operacionalizadas pela Cidade de Pedra, que vinha operando com 29 ônibus. Porém, com uma frequência maior, já que terá mais ônibus nas ruas. “Assim, os usuários deverão ficar menos tempo esperando”, disse Ione.
Primeiro presidente da Autarquia, o secretário municipal de Infraestrutura, Vinicius  Amoroso, informou  durante a coletiva que a pasta, em parceria com a AMTC, já realizou estudo para a implantação de novas rotas e de faixas exclusivas em diversas vias para dar mais agilidade na circulação dos ônibus pela cidade e diminua o tempo de espera dos usuários. “As faixa somam cerca de 25 quilômetros de extensão e já foram licitadas”, revelou.

DIA HISTÓRICO

Rondonópolis vive um dia histórico nesta sexta-feira, 1º de julho.  Nas primeiras horas da manhã iniciou as operações nas ruas dos 50 ônibus do sistema de transporte público da cidade pela Autarquia Municipal do Transporte Coletivo (AMTC). Também, um sonho antigo dos moradores da Vila Operária, região mais populosa da cidade, tornou-se realidade logo no início da manhã: a entrega da recuperação do espaço do antigo Centro Social Urbano (CSU), no Jardim Sumaré, que foi responsável por transformar a trajetória de crianças, adolescentes e jovens nos anos 80 e 90 (Saiba mais). Além disso, o prefeito José Carlos do Pátio se dirigiu para Cuiabá para assinar com o governo do Estado novos convênios para realização de obras de infraestrutura importante para o desenvolvimento da cidade. 

Veja Mais:  Marildes cobra utilização de leitos de UTI que estão fechados no Hospital Regional

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook

Rondonópolis

Escola Rosalino recebe peça infantil sobre prevenção contra a COVID-19

Publicado

Os alunos da Escola Municipal Rosalino Antônio Silva, que fica no Cidade Alta, têm a oportunidade de assistir, na próxima segunda-feira (8), ao espetáculo “Ciência para uma Vida Melhor”, que levará a importante mensagem de conscientização às crianças e adolescentes sobre prevenção contra a Covid-19.  A atração gratuita é fruto de uma parceria firmada pela Secretaria Municipal de Educação (Semed).

O espetáculo faz parte da turnê do projeto Diverte Teatro Viajante, idealizado pela Ciência Divertida, empresa especializada em promover atividades científicas interativas para crianças e adolescentes. 

Por meio de lei federal de incentivo à cultura,  a “Lei Rouanet, as apresentações do projeto que percorre o país de Norte a Sul contam com o apoio de uma empresa de agricultura e inovação tecnológica. Em Mato Grosso, além de Rondonópolis, estudantes de Campo Novo do Parecis e Campo Verde também têm oportunidade de assistir ao espetáculo. 

A escola Rosalino encerra as apresentações realizadas em escolas públicas de Rondonópolis neste mês de agosto pelo Diverte Teatro Viajante.  Antes as apresentações ocorreram na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Frei Milton Marques da Silva, na Vila Rica, no dia 3;  na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) José Antônio da Silva, na Vila Cardoso, no dia 4; na EMEF Bonifácio Sachetti, no Parque São Jorge, no dia 5. 

Veja Mais:  Mutirão fiscal começa segunda e dá descontos de até 80% nos débitos

O espetáculo mostra para as crianças, além das medidas de prevenção de contágio do Coronavírus, como a ciência é uma grande aliada no combate à pandemia. “Tratar de uma questão séria de forma lúdica, leve, com uma linguagem simples e muita interação, faz com que o tema seja realmente compreendido pelas crianças”, explica o diretor do projeto, Júlio Martinez. 

Ele lembra que o Coronavírus não acabou totalmente e a convivência com a Covid-19 continuará existindo nas próximas gerações e a ciência e pequenos hábitos são grandes aliados na prevenção desta e de outras doenças.
Para o assessor do departamento de Ensino Fundamental da Semed, Joelson Santos, esta parceria é de extrema relevância ao aprendizado das crianças. “O teatro, além do encantamento da apresentação que estimula a criatividade, é uma ferramenta muito potente capaz de sensibilizar sobre as questões trabalhadas na peça”.

O ESPETÁCULO

Dois divertidos cientistas precisam se isolar em seu laboratório por causa de uma doença que se apoderou das rotinas das pessoas: a covid-19. Durante a peça, eles iniciam um estudo sobre o vírus e, durante essa descoberta, os participantes começam a entender mais sobre a doença, quais são os sintomas e como se prevenir.

O espetáculo mostra para as crianças, além das medidas de prevenção de contágio do coronavírus, como a ciência é uma grande aliada no combate à pandemia. “Tratar de uma questão séria de forma lúdica, leve, com uma linguagem simples e muita interação faz com que o tema seja realmente compreendido pelas crianças”, explica o diretor do projeto, Júlio Martinez.

Veja Mais:  Prefeitura renova convênio para residência em Saúde da Família

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Prefeitura distribui 450 cestas básicas para usuários dos Cras

Publicado

Usuários dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Rondonópolis se reuniram nesta sexta-feira (05) no salão paroquial da igreja São José Operário para receber cestas básicas. O incremento na alimentação das famílias foi concedido pela prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Promoção e Assistência Social.

O prefeito José Carlos do Pátio fez questão de participar da entrega de 450 cestas básicas entregues em sua maioria para mulheres, provedoras de famílias. “Querendo atender todos os pedidos que chegam para nossa secretaria feitos no Cras e para isso compramos recentemente uma pickup para cada unidade conseguir atender com agilidade as famílias”, comentou Pátio.

O salão paroquial ficou lotado de usuários de Cras que solicitaram o benefício e passaram pela avaliação da equipe técnica das unidades. O Cras é um programa do governo federal, mas em Rondonópolis o prefeito José Carlos do Pátio decidiu custear três das oito unidades em funcionamento hoje na cidade.

Além do complemento na alimentação com as cestas básicas, a gestão municipal pretende dar oportunidade para as famílias por meio de cursos profissionalizantes e de capacitação de se aperfeiçoar ou até como um trabalho como autônomo e é no Cras que as pessoas podem pedir e se inscrever nos cursos gratuitos.

A secretária de Promoção e Assistência Social, Fabiana Perez, lembrou que todas as cestas foram adquiridas com recursos próprios do município, uma atenção básica da gestão que trabalha para que as políticas públicas cheguem aos que mais precisam.

Veja Mais:  Marildes cobra utilização de leitos de UTI que estão fechados no Hospital Regional

Os vereadores Kasa Grande e Reginaldo Santos participaram da entrega de cestas juntamente com os secretários municipais.

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

CEDERO realiza ação alusiva ao Dia Nacional de Combate ao Colesterol

Publicado

Por orientação da Secretaria Municipal de Saúde, o CEDERO – Centro de Diabetes e Endocrinologia de Rondonópolis, realizou nesta sexta-feira (5) uma ação de orientação, prevenção e combate ao colesterol na Praça dos Carreiros, alusiva ao “Dia Nacional de Combate ao Colesterol”, comemorado oficialmente no dia 08/08.

Por se constituir num terminal de coletivo urbano, a praça foi escolhida pelo volume de pessoas que circulam e transitam no local, o que facilita a difusão de informações nas ações de divulgação de campanhas de saúde de cunho nacional e ou internacional. 

Equipe da unidade de saúde Cedero…

Por esta razão, equipes da unidade de saúde, lideradas pelo diretor do Cedero, Dr. Arthur Emílio Vieira realizaram a chamada busca ativa da população, abordando e orientando as pessoas sobre os perigos e malefícios do colesterol alto, relacionados a doenças endócrinas ou cardiovasculares, como infartos, AVCs entre outros, e faziam aferição de pressão arterial, repassavam dicas e maneiras de controlá-lo; cuidados pessoais com a alimentação, sugeriam exames regulares de controle; e, a prática de atividades físicas regulares, como caminhadas, entre outros.

Nos casos de pessoas que apresentaram o exame de colesterol, os técnicos avaliavam, e de acordo com a necessidade repassavam as orientações específicas de cada caso. E, as pessoas que por ventura estavam há um longo tempo (até de vários anos) sem realizar exames para a aferição do colesterol, os técnicos/médicos, já faziam o pedido e o encaminhamento para uma unidade básica de saúde para realização de exames lipidograma completo.

Veja Mais:  Mutirão fiscal começa segunda e dá descontos de até 80% nos débitos

Faixas de alerta…

Conforme o diretor, o objetivo do Centro é orientar, prevenir, e proporcionar um serviço de saúde de qualidade à população, começando com a difusão de orientações preventivas, e posteriormente curativas, se necessário.

O QUE É O COLESTEROL
Conforme definições médicas do Ministério da Saúde, o colesterol é um conjunto de gorduras necessário para o organismo exercer algumas funções, como a produção de determinados hormônios. Portanto, precisamos dele, mas é preciso ingeri-lo de forma equilibrada para manter as taxas regulares. 

Ainda segundo o MS, há dois tipos de colesterol: o HDL, considerado “colesterol bom”, e o LDL, denominado de “colesterol ruim”. Cada grupo pode contribuir para a redução ou aumento dos índices. Quando em desequilíbrio no organismo, o colesterol torna-se fator de risco vascular, e aumenta a incidência de AVC, de morte súbita e doença coronariana. 

As doenças cardiovasculares são as principais responsáveis pelos óbitos registrados anualmente no Brasil. O desenvolvimento dessas doenças está associado a diversos fatores de risco, tais como: obesidade, aumento do colesterol, pressão alta, diabetes e tabagismo, que podem ser controlados com alimentação saudável e prática de atividades físicas. 

Além desses fatores, a hereditariedade pode determinar um colesterol alto mesmo em pessoas que tenham hábitos saudáveis, por isso, além da prática de atividade física e da alimentação equilibrada é importante verificar regularmente as taxas de gordura no sangue e, se necessário, utilizar medicamentos sob prescrição e acompanhamento médico.

Veja Mais:  Rotary Club de Rondonópolis divulga carta á comunidade e critica assembleia da Santa Casa

Segundo o diretor do CEDERO outras ações orientativas e preventivas ainda serão realizadas este ano na cidade, e serão divulgadas adequadamente no devido tempo.

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana