Rondonópolis

Prefeitura inaugura novo Centro de atendimento de diabetes e endocrinologia

Publicado

Foto: Assessoria

A Prefeitura de Rondonópolis inaugurou na manhã desta quinta-feira (13) uma nova unidade de saúde: o Centro de Diabetes e Endocrinologia de Rondonópolis – CEDERO, que leva o nome do ex-servidor público, Flávio de Lima Gomes da Silva, e está localizado na esquina da Avenida Ari Coelho com José Pinto, no Jardim Esmeralda.

O projeto idealizado pelo vereador tenente Guinâncio é de 2017, mas só agora pode ser implementado pelo município.

Conforme a coordenação, inicialmente, o CEDERO vai dar continuidade aos atendimentos já regulados no CEADAS. Todavia, a partir do mês de março, os atendimentos serão iniciados nas consultas nos PSFs e demais unidades de saúde, de onde serão encaminhados para triagem na Clínica de diabetes e endocrinologia. A partir daí, o paciente diabético ou endócrino, será assistido no próprio centro.

Conforme o responsável pela implementação da clínica/ambulatório, o ex-secretário de Saúde, Vinícius Amoroso, todo o processo de implantação demorou cerca de 60 dias e vai atender especialidades médicas de pacientes com diabetes, obesidade, hipertensão e doenças de natureza endocrinológicas. Ele agradeceu a ajuda e a parceria de toda equipe da Secretaria de Saúde, que possibilitou a implantação da unidade em tempo recorde.

Na verdade, esse atendimento já era prestado no CEADAS, e foi descentralizado para oferecer um maior conforto, mais qualidade e comodidade a essa importante parcela da população que sofre desses males.

Veja Mais:  Rondonópolis Hawks estreia com vitória 45 a 33 no campeonato brasileiro diante do Sinop Coyotes

ESTRUTURA
O local é amplo, moderno e já conta com equipes médicas e técnicas multidisciplinares e vai desenvolver um apoio estratégico a toda a estrutura de atenção básica, com ações de orientação e prevenção, que vão reduzir as internações e complicações naturais e óbitos, através de tratamento especializado e intervenções preventivas.

Conforme a enfermeira Paola Garcia, a unidade dispõe de uma ampla  estrutura que abriga: 01 sala de espera e recepção; 06 consultórios; 01 sala de triagem; farmácia; auditório para palestras, treinamentos e orientações aos pacientes; 01 copa, além de 01 sala para procedimentos e medicação.

Quanto a equipe técnica/médica, o CEDERO dispõe ainda de um médico endocrinologista (pediatra); 03 médicos endocrinologistas; uma nutricionista, um profissional psicólogo; uma assistente social, auxiliares de serviços diversos e duas recepcionistas; bem como uma equipe de enfermeiras e técnicos em enfermagem.

ADJUNTO
Para o secretário adjunto de Saúde, Dr. Hélio Cavalcante Garcia Neto, a clínica/ambulatório de especialidade em diabetes e endocrinologia, é o coração pulsante da saúde do município, pois com essa patologia do diabetes e não apenas ela, a clínica vai possibilitar evitar incapacitações decorrentes como perda de visão (cegueira), amputações de membros, principalmente de extremidades; serviços de hemodiálises, já que todo paciente diabético descompensado vai fatalmente desenvolver doença renal crônica e precisar deste tipo de serviço; além de internações na UPA-24 horas, e nas UTIs dos hospitais locais.

O médico elogiou ainda a estrutura e a iniciativa de saúde da municipalidade que está entregando um serviço de alta qualidade comparado aos serviços particulares dos mais importantes planos de saúde do Brasil na saúde pública.

Veja Mais:  Prefeitura abre seletivo para contratação de professores para o cursinho Zumbi dos Palmares e escolas indígenas

Garcia chegou a dizer que não existe no município, uma estrutura e um serviço de qualidade como o CEDERO. “Eu falo com todas as letras, não tem consultórios, não tem clínica ou serviço particular em Rondonópolis, que contemple essa qualidade de profissionais, e estrutura física como a Prefeitura está proporcionando aqui a população. É uma alegria minha como secretário adjunto e como médico, estar presente nesta gestão e ver a importância da qualidade da saúde que a administração oferece aos seus munícipes”, externou.

ASSOCIAÇÃO DE DIABÉTICOS
A Presidente da ARAD – Associação Rondonopolitana de Assistência ao Diabético, Francisca Suely Lopes Borges, repassou que para a comunidade diabética local, a inauguração do CEDERO “é muito importante porque vai nos proporcionar uma qualidade de vida melhor. O diabético vai ter um lugar exclusivo onde ele possa vir receber atendimento e toda assistência médica, nutricional, e psicológica e onde ele poderá assistir palestras de orientação de como tratar o diabetes. Então isso aqui para nós significa uma vitória muito grande e a gente agradece e parabeniza o prefeito José Carlos do Pátio por concretizar essa luta que a gente vem desenvolvendo há muito tempo, junto com o vereador subtenente Guinâncio e o Dr. Artur Emílio, e proporcionar essa alegria a todos os diabéticos de Rondonópolis e região; muito obrigado”, agradeceu a presidente da ARAD.

O prefeito José Carlos do Pátio ressaltou que realmente a cidade de Rondonópolis vem se destacando no estado e na região Centro-Oeste, por oferecer um serviço de saúde de endocrinologia e saúde mental de alta qualidade, e prometeu ampliar ainda mais esses serviços.

Veja Mais:  Com música e luzes no céu, 8 mil pessoas prestigiam a chegada do ano novo no Cais de Rondonópolis

“Hoje nós estamos inaugurando uma clínica que vai atender e tratar de duas doenças perigosas, que é o diabetes e a obesidade, que a cada ano aumentam mais, e prejudicam a nossa população. Eu quero agradecer a minha equipe de saúde, ao meu ex-secretário Vinícius Amoroso, a Câmara Municipal pelo apoio; ao tenente Guinâncio pela ideia do projeto, e adiantar que nós já vamos inaugurar uma clínica de saúde mental. Então hoje, Rondonópolis, nessas duas especialidades, tem as melhores políticas públicas do estado de Mato Grosso e vamos ampliar e evoluir anda mais as nossas políticas de saúde públicas. Eu acho isso tudo uma grande vitória para Rondonópolis”, declarou o prefeito.

Ao final, ele ainda ressaltou que o município já possui 100% de cobertura de unidades básicas de saúde, e 100% de Agentes Comunitárias de Saúde (ACS).

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook

Rondonópolis

Rondonópolis faz repasse de R$1,4 mi e justiça requer planilha para liberar pagamento a terceirizados

Publicado

Foto: Assessoria

A empresa Bem Estar tem até segunda-feira (24) para enviar à Justiça do Trabalho os nomes e os valores devidos aos trabalhadores que prestaram serviço à Secretaria de Saúde e Meio Ambiente de Rondonópolis até setembro do ano passado. A determinação é da juíza Karina Rigato (foto), da 3ª Vara do Trabalho da cidade, e tem como objetivo apurar o montante a ser liberado a cada trabalhador.

A ordem foi proferida na ação de consignação em pagamento ajuizada pelo Município de Rondonópolis durante o recesso forense, por meio da qual a Prefeitura fez a transferência de R$ 1.458.598,77. O valor é devido a Paulo Victor Monteiro Guimarães (nome fantasia “Bem Estar Prestação de Serviços”) pela prestação de serviços e será usado para pagamento dos trabalhadores.

Ao procurar a Justiça do Trabalho em 20 de dezembro, o município requereu e obteve, em caráter de urgência, a autorização para depositar o dinheiro em juízo.

No pedido à justiça, o Município explicou que em junho do ano passado aderiu à ata de registro de preços 26/2021, elaborada pelo Município de Mirassol D’Oeste, a fim de contratar a empresa Bem Estar. A adesão se deu para evitar a descontinuidade de serviços desempenhados pela Secretaria Municipal de Saúde e de Meio Ambiente após a saída da cooperativa que anteriormente cumpria a função.

Além da planilha de valores devidos aos trabalhadores, a juíza da 3ª Vara de Rondonópolis ordenou que a empresa apresente os termos de rescisão de contrato de trabalho e extratos do saldo do FGTS.

Veja Mais:  Rondonópolis Hawks estreia com vitória 45 a 33 no campeonato brasileiro diante do Sinop Coyotes

A magistrada determinou, ainda, envio de comunicado ao Ministério Público do Trabalho, em razão do interesse coletivo dos trabalhadores. Também ordenou o envio de ofício à Superintendência Regional do Trabalho para que ela informe a relação de empregados que possuem vínculo empregatício nos dados do Caged com a empresa prestadora de serviços.

Outros processos – Além da ação de consignação em pagamento, tramitam no Fórum Trabalhista de Rondonópolis cerca de 50 processos iniciados nos últimos meses envolvendo a empresa Bem Estar. A maioria é formada de reclamações trabalhistas individuais, ajuizadas pelos ex-empregados e distribuídas nas três varas do trabalho da cidade.

Entre eles, está em andamento, na 2ª Vara do Trabalho, uma Ação Civil Coletiva proposta pelo Sindicato dos Empregados de Empresas Terceirizadas de Asseio, Conservação e Locação de Mão de Obra de Mato Grosso (SEEAC/MT), na qual também há decisão liminar de bloqueio de valores da empresa (Confira aqui).

PJe 0000485-32.2021.5.23.0023

Confira decisão

(Por (Aline Cubas, da Ascom TRT23)

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Faixa no ‘Cartão Postal de Rondonópolis’ chama atenção

Publicado

Foto: Ilcimar Aranhas/PORTAL MT

Para quem passa em frente a histórica Praça dos Carreiros em Rondonópolis, um dos cartões postais da cidade onde simboliza com um carro de boi o encontro dos pioneiros no início da fundação da cidade, mas nos últimos dias chama a atenção, uma faixa com a pergunta, quem matou Terezinha ?

No último dia 15 de janeiro completou um ano da morte da diretora do Sanear, que foi executada a tiros quando seguia junto com seu motorista para mais um dia de trabalho. Até o momento, a Polícia não esclareceu o crime.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Veja Mais:  Servidores são recebidos com café da manhã especial na Prefeitura
Continue lendo

Rondonópolis

Vereador preocupado com a construção de faixa elevada em Rondonópolis

Publicado

O Vereador Adonias Fernandes (MDB), usou a tribuna da Câmara Municipal para fazer um alerta sobre a construção da faixa elevado que está sendo construída em frente a uma rede atacadista na Avenida Bandeirantes em Vila Operária.

“Eu estou muito preocupado com aquela obra ali em frente ao Assaí na Bandeirantes, nós temos ali do lado uma funerária, nós temos há 100mts tem o Corpo de Bombeiros e Samu, e já na descida tem uma faixa elevada. Eu não estudei engenharia, mas estou deixando registrado a minha preocupação”. Disse o vereador.

Por outro lado, o secretário de trânsito Lindomar Alves, afirmou em entrevista a uma rádio local, que no início da obra enviou um técnico da Setrat para averiguar a obra e fez alguns apontamentos, em seguida encaminhou para a direção do Assaí e a executora da obra Coder, pois a obra é custeada pelo atacadista, e posteriormente na entrega irá avaliar se receberá ou não a faixa elevada.

Qual a função das faixas elevadas ?

Podemos considerar alguns aspectos importantes que levam as diretorias de trânsito a optar pela medida:

·         Melhora as condições de acessibilidade e segurança dos pedestres nas vias públicas;

·         Amplia a visibilidades da travessia dos pedestres;

·         Reduz a velocidade dos automóveis.

Assim, não se trata de “lombadas”, tem muito mais a ver com a segurança do pedestre do que com a do motorista.  Por isso mesmo, a proposta é que essa faixa elevada esteja mais nivelada com as calçadas.

Veja Mais:  Pedro Igor é o único pré-candidato a deputado estadual pelo (DC) em Rondonópolis

Quem caminha pela faixa elevada, no entanto, precisa continuar bastante atento ao atravessar a rua, continuar olhando para os dois lados e se certificar de que está sendo visto pelos motoristas.

Sabemos que nessas faixas, sejam elas elevadas ou não, não é permitido ao motorista estacionar ou sequer parar.

Faz parte do Art. 181 do Código de Trânsito Brasileiro e quem não respeita a norma é penalizado com 5 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

A multa para quem estacionar na faixa é de R$ 195,23 e o veículo pode ser apreendido.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana