Sem categoria

Abertura do Campeonato Mato-grossense será neste sábado; Veja os jogos

Publicado

Foto divulgação/Portal MT

A bola vai rolar para a abertura do Campeonato Mato-grossense Martinello Sicredi – Edição 2022.

Dez times estarão na disputa pelo título mais importante do futebol de Mato Grosso.

Cuiabá e Ação abrem a competição neste sábado (22), às 15h30, na Arena Pantanal com transmissão da TV Centro América para todo o estado.

Confira os jogos da 1ª rodada:

Cuiabá x Ação – Sábado, às 15h30 / Arena Pantanal

Academia x Operário – Sábado, às 15h30 / Luthero Lopes

Sorriso x Nova Mutum – Sábado, às 18h / Egídio Preima

Luverdense x Sport Sinop – Domingo, às 17h / Passo das Emas

Dom Bosco x União – Domingo, às 17h / Dito Souza

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Veja Mais:  Edição de Mato Grosso do Festival Nacional do Tambaqui vai ajudar o Abrigo Bom Jesus de Cuiabá

Sem categoria

Pleno mantém suspensa licitação da Prefeitura de Rondonópolis estimada em R$ 130 milhões

Publicado

Foto: Assessoria

O Pleno do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) homologou, na sessão ordinária desta terça-feira (8), medida cautelar por meio da qual foi determinado à Prefeitura de Rondonópolis que se abstivesse de praticar ou permitir que se praticassem quaisquer novos atos inerentes ao Pregão Eletrônico 123/2021. Estimado em R $130,6 milhões, o certame tem como objeto futura e eventual contratação de empresa para a prestação de serviços de mão de obra terceirizada.

A medida cautelar, concedida em julgamento singular do então conselheiro plantonista Antonio Joaquim, foi solicitada em representação de natureza de natureza externa (RNE) proposta pela empresa Paulo Victor Monteiro Guimarães EPP – Bem Estar Prestação de Serviços, sob argumento de que o edital não definiu de forma exata o critério de julgamento aplicado e restringiu a participação de possíveis licitantes.

Relator originário do processo, o conselheiro Guilherme Antonio Maluf reforçou seu entendimento de que previsões editalícias que impedem a participação de cooperativas de mão de obra em licitações, somente por estarem enquadradas judicialmente como cooperativas, vão de encontro com a legislação vigente.

“No tocante a plausibilidade do direito, destaco que os representantes confirmaram a presença de erros materiais na ficha modelo de proposta comercial, o que pode ter prejudicado a compreensão do tipo exato de licitação pretendida”, sustentou o relator.

Em relação ao perigo da demora, o conselheiro asseverou que a continuidade do certame e a homologação de um procedimento eivado de vício ocasiona prejuízos irreparáveis ou de difícil reparação ao órgão municipal, especialmente considerando a complexidade e amplitude do objeto, bem como seu valor.

Veja Mais:  Equipe da Procuradoria de Rondonópolis participa de treinamento para conhecer novo software jurídico

“Por fim, registro que não visualizei a ocorrência de danos irreversíveis à representada por ocasião da concessão da medida cautelar”, argumentou.

Sendo assim, seguindo entendimento do conselheiro plantonista e do Ministério Público de Contas (MPC), votou pela homologação da medida cautelar, sendo acompanhado pela unanimidade do Pleno.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Rotam prende três pessoas com dinheiro falso em MT

Publicado

Foto: PMMT

Policiais do Batalhão Rotam prenderam três homens com notas de dinheiro falsas em um bar, na quinta-feira (17.02), em Várzea Grande. Os suspeitos foram conduzidos à Delegacia da Polícia Federal.

A equipe policial foi acionada pelo gerente do estabelecimento comercial, que relatou que os suspeitos apresentaram o dinheiro falso ao efetuar o pagamento por algumas cervejas. O comunicante disse ainda que no dia 10 de feveiro, um dos homens envolvidos já teria repassado cédulas falsas em outra ocasião no bar.

Os policiais abordaram os três suspeitos e identificaram que um deles fazia uso de tornozeleira eletrônica. A Rotam também apreendeu cerca de R$ 400. Do dinheiro apreendido, duas cédulas de R$ 100 apresentavam sinais de falsificação.

Os suspeitos foram presos. Um dos homens detidos já possui 10 passagens criminais por crime de roubo, furto, motim de presos consumado, lesão corporal, dentre outros. O trio foi entregue à Delegacia da Polícia Federal.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Veja Mais:  PM recupera veículo que estava estacionado no lugar de outro que havia sido furtado em Rondonópolis
Continue lendo

Mato Grosso

Detran-MT orienta sobre forma correta de usar películas em vidro de veículos

Publicado

As películas são utilizadas nos veículos por motivo de estética, privacidade, proteção ao calor ou mesmo segurança. Mas o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) orienta a população para que faça o uso adequado e de acordo com a legislação federal.

Em 2021, cerca de 3 mil condutores foram autuados no Estado pelo uso irregular de película. Seguir os padrões estabelecidos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) pode evitar acidentes de trânsito, pois um veículo com película muito escura, por exemplo, pode dificultar a visibilidade do condutor.

Conforme o diretor de Veículos do Detran-MT, Augusto Cordeiro, ao ser flagrado utilizando um dos tipos de película irregular ou a falta da chancela nos vidros, o condutor terá o veículo retido no local do flagrante para que remova a película imediatamente.

“É importante ressaltar que nos casos de películas com percentual acima do permitido, o motorista só poderá ser autuado caso o agente de trânsito realize o teste com equipamento oficial credenciado pelo Inmetro e homologado pela Secretaria Nacional de Trânsito. Sem esse equipamento, o condutor terá apenas que remover a película do veículo”, explicou o diretor.

Já para as películas refletivas ou ausência de chancela, não é necessário nenhum tipo de aparelho de verificação para que seja efetuada a autuação. A chancela informa o índice de transmissão luminosa e deve ser visível pelos lados externos dos vidros.

Veja Mais:  União E.C estreia com derrota no Campeonato Mato-grossense 2022

A aplicação de películas acima do permitido, películas refletivas ou ausência de chancela são consideradas infrações graves, prevista no artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), com penalidade de multa de R$ 195,23 e 5 pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

Visibilidade

O grau de aplicação do acessório não pode oferecer riscos para a segurança no trânsito e deve estar em conformidade com o que prevê a resolução nº 254/2007 do Contran, que regulamenta a transmissão luminosa das películas de vidros em veículos.

Essa norma estabelece que a visibilidade não pode ser inferior a 75% para os para-brisas incolores e 70% para os para-brisas coloridos. Para as janelas das portas da frente, a luminosidade também é de 70%. Já para os demais vidros (janelas laterais traseiras e vidro traseiro), a transparência não pode estar abaixo de 28%.

Vale ressaltar que as películas refletivas – aquelas que funcionam como um espelho do lado de fora – são irregulares e proibidas, conforme o art. 8° da resolução 254.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana