Mato Grosso

Cinco motoristas são presos por embriaguez ao volante em Cuiabá

Publicado


Cinco motoristas foram presos por embriaguez ao volante durante a 1º edição da Operação Lei Seca, realizada na madrugada deste sábado (16.01), na Avenida Isaac Póvoas, região central de Cuiabá. A primeira operação do ano começou às 2 horas e seguiu até às 3h40.

No período, foram confeccionados 36 Autos de Infração e realizados 41 testes de alcoolemia. Ao todo, 17 veículos, entre automóveis e motocicletas, foram recolhidos e 13 Carteira Nacional de Habilitação (CNH) foram recolhidas.

Do total de autos de infração, nove foram pelo artigo 165 (dirigir sob influência de álcool), oito pelo artigo 165-A (recusa a ser submetido ao teste de alcoolemia), um pelo artigo 162,I (conduzir o veículo sem CNH), dentre outros. Todos os AITs são aplicados com base na Lei Nº 9.503, do Código Brasileiro de Trânsito.

A Operação Lei Seca é realizada de forma integrada e coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI-E) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). Nesta edição, participaram representantes das Polícias Militar (PM-MT), Civil (PJC-MT) e Rodoviária Federal (PRF), Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) e Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sispen).

A multa para o motorista que é flagrado dirigindo sob efeito alcoólico é de R$ 2.934,70. No momento do teste do bafômetro, o condutor que tiver índice de álcool no sangue superior a 0,33 miligramas por litro de ar expelido será preso, pagará multa, terá a CNH suspensa e responderá por crime.

Veja Mais:  Estudo identifica variante inglesa da Covid-19 em Mato Grosso

Quando a quantidade de álcool for abaixo de 0,33mg/l, o condutor é autuado, tem a CNH retida e paga multa.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Estudo identifica variante inglesa da Covid-19 em Mato Grosso

Publicado


O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) divulgou nesta quinta-feira (25.02) um estudo que identifica a circulação da variante do coronavírus do Reino Unido em Mato Grosso. A pesquisa aponta dois casos da nova cepa, sendo um de Cuiabá e outro de Primavera do Leste.

O estudo é realizado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Rede Corona-Ômica. Foram parceiros da analise a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e o Instituto Hermes Pardini. Os pesquisadores sequenciaram 25 genomas pertencentes à variante viral inglesa, conhecida cientificamente como B.1.1.7., e foram analisados mais de 740 mil exames.

De acordo com o epidemiologista e secretário adjunto de Vigilância e Atenção à Saúde da Secretaria Estadual (SES-MT), Juliano Melo, a constatação evidencia que a transmissibilidade do vírus pode aumentar em Mato Grosso. Até o momento, não há evidencias sobre o aumento da letalidade desta nova cepa.

“Essa variante foi inicialmente identificada na Inglaterra e, desde novembro, já afetou cerca de 50 países. Cada linhagem do vírus apresenta mutações internas e esse é o comportamento natural do vírus. O que preocupa é que essa linhagem da B.1.1.7. tem um potencial maior de transmissão, sendo em torno de 50% mais transmissível do que as linhagens anteriores”, explicou o gestor.

Diante deste contexto, as instruções de biossegurança e distanciamento social devem ser mantidas e reforçadas pela população. “Esse é mais um motivo de alerta para os cuidados com o manejo, isolamento social e todas as demais formas de prevenção. A vacina é efetiva na redução da transmissibilidade de variantes do vírus”, concluiu.

Veja Mais:  Jovens de Sorriso recebem bolsa de estudo e formação em comunicação e cultura

Como forma de conter o avanço da pandemia e atender as demandas por internação hospitalar em todo o estado, o Governo de Mato Grosso viabilizou a abertura de 60 novos leitos públicos de UTI em 15 dias. A ação foi possível graças à parceria com os municípios de Nova Mutum, Lucas do Rio Verde, Alta Floresta e Primavera do Leste.

Também serão ampliados outros 20 leitos de UTI no Hospital Estadual Santa Casa, em Cuiabá, e reativados 10 leitos de Terapia Intensiva no Hospital Regional de Sinop.

O Governo de Mato Grosso ainda divulga frequentemente a Classificação de Risco dos municípios, como forma de orientar e auxiliar as gestões municipais na tomada de decisões.

Além de Cuiabá e Primavera do Leste, a variante do Reino Unido foi identificada em Belo Horizonte (MG), Betim (MG), Araxá (MG), Barbacena (MG), Rio de Janeiro (RJ), Campos dos Goytacazes (RJ), Curitiba (PR), Cuiabá (MT), Primavera do Leste (MT), Aracajú (SE), São Paulo (SP), Americana (SP), Santos (SP), Valinhos (SP), São Sebastião do Passe (BA) e Barra do São Francisco (ES).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Setasc atende em 100% as recomendações da CGE nesta gestão

Publicado


A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) atendeu todas as recomendações da Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) na gestão do Governo Mauro Mendes.. Com 100% de aproveitamento, a Setasc está entre os órgãos e entidades estaduais com desempenho acima da média geral no cumprimento das recomendações.

“Procuramos atender todas as recomendações da CGE. Isso mostra o comprometimento da nossa gestão, realizando um trabalho com muita transparência e seriedade. Dessa forma, evitando erros e falhas”, ressalta a responsável pela Rosamaria Carvalho. 

Na prática, significa dizer que a Setasc atendeu todas as recomendações propostas nos planos de providências que são formulados no prazo de até 30 dias após o recebimento dos relatórios de auditoria e de controle preventivo elaborados pela CGE. Os planos devem conter ações, prazos, setores e servidores responsáveis pela implementação.

De modo geral, o nível de atendimento dos órgãos estaduais às recomendações da CGE-MT aumentou 100% do ano de 2018 para 2020. A adesão às recomendações da CGE passou de 31,8% em 2018 para 66,67% em 2020, nível considerado aprimorado pelas normas técnicas de auditoria interna. É o caso, por exemplo, das seguintes instituições: Secel (100%), Detran (95,46%), Sefaz (84,32%), Sedec (88,62%), Seplag (85,25%), Empaer (81,35%) e Casa Civil (78,71%).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Governo paga servidores estaduais nesta sexta-feira (26)
Continue lendo

Mato Grosso

Jovens de Sorriso recebem bolsa de estudo e formação em comunicação e cultura

Publicado


Contemplado no edital Conexão Cultura Jovem da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), o laboratório de comunicação e cultura (LabCom) Ribalta está oferecendo formação e bolsa de estudo a 40 jovens de Sorriso, município a 400 km da capital mato-grossense. As atividades tiveram início no dia 1º fevereiro com quatro oficinas de capacitação nas áreas de criação, conteúdo, redes sociais e planejamento de projetos socioculturais.

Além dos conhecimentos que serão adquiridos durante quatro meses, cada um dos participantes do projeto recebe bolsa de estudo mensal de R$ 400,00. Moradores de residenciais dos programas habitacionais do município, os jovens foram selecionados por meio de avaliação social, que considerou o bairro de residência e renda familiar. Também foi levado em conta a motivação e interesse em participar da oficina escolhida.

“Temos certeza de que o projeto vai ser muito positivo na vida profissional desses jovens, pois a economia no município está em pleno crescimento, com vagas nessas áreas de comunicação e cultura. O objetivo do LabCom Ribalta é garantir que todos estejam  aptos a ingressarem no mercado de trabalho”, comenta Francisco Guimarães, diretor de produção cultural do projeto.

Produção e edição de vídeos, designer gráfico, comunicação visual, roteiros, técnicas jornalísticas e marketing digital são algumas das aulas que fazem parte da grade curricular. Na oficina de planejamento de projetos socioculturais,  os estudantes aprendem a transformar uma ideia criativa numa ação que possa impactar e mudar a realidade de sua comunidade.

Veja Mais:  Projeto ensina capoeira angola para iniciantes via plataforma digital

Com 10 alunos por oficina, o processo de aprendizagem ocorrre em formato híbrido, com aulas presenciais e conteúdos online. As aulas presenciais ocorrem na sede do LabCom Ribalta, localizado no bairro Bela Vista, em Sorriso.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

CAMPANHA COVID-19 ALMT

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana