conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Criminoso envolvido em chacina em Rondonópolis é capturado acusado de praticar 47 estupros em Goiás

Publicado

Criminoso envolvido em chacina em MT é capturado em aparecida de Goiânia-GO

Condenado a mais de 50 anos de prisão por triplo homicídio em Rondonópolis e com mais de 20 estupros confirmados no Estado de Goiás, Wellington Ribeiro da Silva (52 anos) foi preso em ação integrada da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol-MT) e Superintendência de Combate a Corrupção e ao Crime Organizado de Goiás. Os policiais cumpriram nove mandados de prisão contra o homem.

Wellington é apontado como autor do crime que ficou conhecido como “Chacina do Monte Líbano”, quando, em 1997, ele teria assassinado a sua companheira e os dois filhos dela em Rondonópolis.

Na época dos fatos, Wellington comandava uma quadrilha envolvida em diversos roubos e homicídios e tinha um relacionamento com a vítima, Luzia Pereira da Cruz, que tinha dois filhos de outros relacionamentos. Depois de desconfiar que a companheira estava passando informações para a Polícia, o suspeito decidiu matá-la.

Na noite do crime, Wellington foi até a casa da vítima e depois de conversarem algum tempo, ele a abraçou e esfaqueou a vítima violentamente, sem possibilidade de defesa. Não satisfeito, o suspeito decidiu tirar a vida dos dois filhos da vítima, um de 10 e outro apenas de 03 anos de idade. Os corpos foram encontrados dias depois.

Pelos crimes praticados, Wellington foi condenado a mais de 50 anos de prisão em regime fechado. Ele chegou a ser preso, mas fugiu do Presídio Major PM Eldo Sá Correa (Mata Grande) em 2013 e desde então seu paradeiro era desconhecido.

Veja Mais:  PM prende suspeitos e fecha casa de apostas de jogo do bicho

Na última semana, Wellington foi preso no Estado de Goiás, onde é considerado um criminoso em série pela polícia de Goiás, maníaco sexual, investigado pelo cometimento de crimes sexuais e apontado como autor de mais 22 estupros confirmados com as vítimas identificadas e confissão de alguns crimes.

A prisão do suspeito ocorreu após a troca de informações entre o Núcleo de Inteligência Operacional da Gepol e policiais civis de Goiás. A equipe da Polinter fez o encaminhamento dos mandados de prisão expedidos pela Justiça de Mato Grosso e que ainda não haviam sido cumpridos.

O delegado, Carlos Levergger, um dos responsáveis, pela força tarefa nas investigações dos estupros praticados no Estado de Goiás, disse que no momento da prisão, Wellington, fazia uso de documento falso, sendo também autuado em flagrante pelo crime.

Na quinta-feira (19.09), o suspeito foi apresentado a imprensa na sede da Secretaria Estadual de Segurança Pública do Estado de Goiás.

Comentários Facebook

Policial

PM prende suspeitos e fecha casa de apostas de jogo do bicho

Publicado


.

Na manhã deste sábado (06.06), a Polícia Militar prendeu um casal (57 e 54 anos) por prática ilegal do jogo do bicho, em Rondonópolis. Bobinas de papel, R$ 2.300 e comprovantes e máquinas de apostas foram apreendidos na ação da PM.

Por volta das 11h30, policiais militares receberam uma denúncia de que em uma residência havia um grande número pessoas reunidas e que no local funcionava uma casa de apostas ilegais, no bairro Jardim Iguaçu.

Uma equipe da PM foi até a casa denunciada e se deparou com quatro pessoas que saíam do local e relataram que estavam fazendo apostas. As testemunhas mostraram aos policiais os comprovantes eletrônicos das apostas. Diante da situação, a polícia entrou na casa e localizou o casal que promovia os jogos.

Durante a diligência, a polícia apreendeu três máquina de apostas online, 11 tabelas de apostas, 24 cadernos com anotações de jogos, 11 bobinas de papel, centenas de comprovantes em sacolas plásticas e R$ 2.300,00 em dinheiro trocado. Todo o material foi apreendido e o local fechado

O casal foi preso em flagrante e entregue à delegacia.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

Veja Mais:  Rotam prende três suspeitos com 16 pacotes de ecstasy
Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

PRF apreende 14,2kg de maconha em Barra do Garças/MT

Publicado


.

Menor de idade estava transportando a droga, em mala, no compartimento de bagagens de ônibus

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu aproximadamente 14,2kg de substância análoga à maconha, na tarde deste sábado (06), em Barra do Garças.

Durante fiscalização na BR-070, a equipe do GPT (Grupo de Patrulhamento Tático) da PRF abordou um ônibus que fazia linha de Rondonópolis/MT à Barra do Garças/MT.

Um menor de idade (17) que viajava sozinho foi entrevistado pela equipe e disse que iria visitar a avó em Barra do Garças, mas respondeu aos questionamentos feitos pela equipe de forma duvidosa e imprecisa.

Ao fiscalizar a bagagem do menor, que estava sendo transportada no compartimento de bagagens, foram encontrados 16 tabletes da droga que pesaram aproximadamente 14,2 kg.

A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Civil de Barra do Garças.

SECOM PRF MT

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  PM traça plano estratégico para segurança de manifestantes e preservação do patrimônio
Continue lendo

Policial

PM traça plano estratégico para segurança de manifestantes e preservação do patrimônio

Publicado


.

A Polícia Militar traçou um plano estratégico de monitoramento e acompanhamento de possíveis mobilizações em espaços públicos, que devem ocorrer no domingo (07.06), em Cuiabá. O efetivo atuará na segurança dos manifestantes e também na preservação do patrimônio público.

De acordo com o planejamento elaborado, o 1º Comando Regional de Cuiabá estará à frente das ações de segurança com o apoio das unidades do Comando Especializado da PMMT.

Além da 20ª Companhia de Força Tática, unidade do próprio 1º CR, caso haja necessidade, está previsto o emprego de equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e dos Batalhões de Trânsito, Rotam e Cavalaria.

As possíveis manifestações estão sendo divulgadas em redes sociais, informes e notícias veiculadas na imprensa similares as que ocorreram em outros Estados.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Veja Mais:  Rotam prende três suspeitos com 16 pacotes de ecstasy
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana