Rondonópolis

Prefeito assina convênio para mais dois cursos e lamenta descaso da Unemat e AL com Rondonópolis

Publicado

O prefeito José Carlos do Pátio assinou, na tarde desta segunda-feira (20), um convênio com a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) para oferta em Rondonópolis de mais dois cursos: Licenciaturas em Pedagogia e de Química. Com isso,  os cursos ofertados na cidade, com o apoio da Prefeitura, chega a 12 cursos superiores.

O ato de assinatura aconteceu durante coletiva de imprensa realizada no gabinete do gestor municipal no Palácio da Cidadania e foi acompanhado pelo presidente da Câmara de Vereadores, Roni Magnani, a secretária municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, Neiva de Cól, e o professor do curso de Computação da Unemat em Alto Araguaia e Rondonópolis, Max Robert Marinho.

Para os dois cursos, estão previstas 50 vagas cada. O vestibular, que deve ter a data definida para inscrições e realização da prova ainda esta semana, será regionalizado e presencial. “Estou lançando hoje mais dois cursos da Unemat aqui. O curso de Licenciatura em Química, pois falta muitos professores desta disciplina na cidade. E o curso de Licenciatura em Pedagogia, pois só agora vamos concurso público à rede municipal, onde vamos chamar uma média de 600 professores, pois estamos construindo 28 creches e escolas”, justificou o prefeito.

José Carlos do Pátio lembrou os altos investimentos realizados pelo município para custear os 12 cursos da Unemat na cidade e a construção do campus  universitário para receber a instituição de ensino superior. “Já limpamos a área e estamos urbanizando e dentro de poucos dias estaremos transferindo os alunos da Unemat para este campus”, disse o prefeito.

Veja Mais:  Campanha de multivacinação acontece durante todo o mês de outubro

Durante o ato de assinatura, o prefeito fez questão de externalizar a sua indignação com o descaso com Rondonópolis demonstrado pela reitoria e a Assembleia Legislativa, que até o momento não sinalizaram a instalação de um campus na cidade. 

“Lamentavelmente, a Assembleia Legislativa, os deputados estaduais aprovaram a criação do campus universitário de Diamantino. Ótimo, mas ainda não aprovaram o de Rondonópolis. Por que ainda não aprovaram o de Rondonópolis, depois de tanto investimento, tanto apoio…nunca um prefeito construiu um campus como nós construímos. É triste falar isso, onde estão os nossos deputados, a reitoria que deveriam olhar para nós?”, questionou indignado Pátio.

O prefeito explicou que os investimentos feitos na construção do campus universitário na área do antigo aeroporto são no sentindo de transformar Rondonópolis numa referência educacional. “O município não vai se furtar de seguir neste propósito. Não vamos parar de investir”, disse, acrescentando que fora o apoio financeiro para custear cursos o município também irá construir uma área de lazer e esportes no entorno do campus estimada em mais de R$ 5 milhões.

Diante do descaso demonstrado pela Unemat, o prefeito anunciou que decidiu que não irá mais transferir os campus para a instituição. “Não vamos entregar mais para Unemat, o campus vai ser municipal. Já conversamos e vamos colocar uma equipe minha para ir andar Mineiros, Rio Verde… pois lá tem Medicina, pra gente começar a discutir trazer este curso para cá. Como o compus é de Rondonópolis a gente pode fazer um termo de concessão de uso”, comentou.

Veja Mais:  Profissionais da Usina de Triagem no Aterro Sanitário passam por curso de combate a incêndio

Comentários Facebook

Rondonópolis

Nova porta de atendimento infantil funciona no Ceadas das 18h à meia-noite

Publicado

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que começou hoje (1) o terceiro turno pediátrico no Centro de Especialidades, Apoio e Diagnóstico Albert Sabin (Ceadas). A intenção, segundo a Coordenação da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e do PA Infantil, é desafogar o atendimento no PAzinho, proporcionando, assim, aos pais mais uma opção para levarem seus filhos com idade até 12 anos, 11 meses e 29 dias a fim de receberem cuidados médicos, evitando a superlotação do PA Infantil e, em consequência disso, o tumulto e o atraso devido à grande procura que está ocorrendo atualmente.

Ainda de acordo com a Coordenação da Unidade Infantil, a escolha do Ceadas se deu porque esse espaço já possui a estrutura necessária para prestar assistência às crianças quando estão doentes, comportando, inclusive, aparelho de raio-x. O PAzinho solicita que os responsáveis pelos menores deem preferência ao Ceadas caso seu filho apresente sintomas leves de gripe ou qualquer outra patologia, deixando o PA Infantil como alternativa para casos mais graves e complexos.

Localizado na Rua Osório Machado 590, Vila Adriana, o Ceadas funciona com terceiro turno de suporte à saúde infantil de segunda a sexta-feira, das 18h à meia-noite.

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Veja Mais:  Ruas do Quitéria Teruel Lopes e Violeta recebem lama asfáltica
Continue lendo

Rondonópolis

Convênio firmado entre Prefeitura e Estado garante asfalto para o Distrito Industrial Rondonópolis

Publicado

O Distrito Industrial Rondonópolis (Distrito antigo) passará por melhorias recebendo nova pavimentação e instalação de drenagem. As obras serão possíveis devido a um convênio entre a Prefeitura Municipal com o Governo do Estado assinado nesta sexta-feira (1) durante reunião no Palácio Paiaguás, em Cuiabá.

O valor total da obra será de R$ 68,5 milhões, sendo R$ 50 milhões destinados pelo estado e R$ 18,5 milhões do município. O próximo passo é a abertura de processo licitatório para apresentação e seleção de proposta.

 Além dessa parceria, o prefeito José Carlos do Pátio também traz novidades sobre a construção de casas para os rondonopolitanos de menor poder aquisitivo e aquisição de mais lâmpadas de LED.

A população sem condições de pagar parcelas de um financiamento poderão ser beneficiadas com os “kits construção”. A Prefeitura garante os terrenos e mão de obra e o Estado fica responsável pela compra do material de construção.

“Para nós [Poder Executivo Municipal] que estamos construindo dois bairros em Rondonópolis nada melhor do que esses kits”, pontuou o prefeito.

O projeto de melhoria da iluminação pública urbana visa deixar Rondonópolis 100% iluminada com lâmpadas LED, realizando a substituição dos modelos comuns e fluorescentes ainda usados em alguns locais da cidade. A aquisição já está sendo feita pela Prefeitura e agora o Estado também contribuirá.

Além do governador e do prefeito, participaram também da reunião o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo de Oliveira, o deputado estadual, Max Russi, e o ex-chefe do escritório de representação de Rondonópolis, Paulo José Corrêa.

Veja Mais:  Prefeitura lança edital para buscar projetos inovadores de Rondonópolis

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis inova com 1ª Autarquia do Transporte Coletivo de MT e catraca livre

Publicado

Neste dia considerado histórico para Rondonópolis, as primeiras horas marcaram o início das atividades das operações de rua da 1ª Autarquia do Transporte Coletivo (AMTC) de Mato Grosso, criada pela Prefeitura de Rondonópolis para assumir o serviço de transporte público que vinha sendo realizado  sob concessão pela empresa Cidade de Pedra. 

Inicialmente, o transporte dos passageiros está sendo realizado por 50 ônibus novos que foram adquiridos pelo município para compor a frota da autarquia, que chega como uma das mais modernas do Estado. Todos veículos contam com sistema de ar-condicionado, com ultrafiltragem e luz ultravioleta que inibem a propagação de vírus e bactérias, wi-fi, acessibilidade, tomadas para carregar celular, câmeras de monitoramento interno e sistema de telemetria.

Todavia, a ideia é de que a frota de ônibus da AMTC  tenha  80 veículos, visando garantir maior conforto, comodidade e segurança para os usuários do transporte coletivo municipal.

Durante esse momento de transição, estimado a princípio em cerca de três meses, o presidente da autarquia, Ivanilson de Oliveira Aguiar Júnior, explica que a gestão do serviço ficará por conta da autarquia e a mão de obra utilizada na operação dos ônibus ficará por conta da empresa Cidade de Pedra.

“Vamos aproveitar neste período de transição a mão de obra da Cidade de Pedra, até os trâmites jurídicos e legais da composição da estrutura da autarquia seja toda formatada e passe a adotar os mecanismos legais de contratação e funcionamento técnico administrativo gerencial”, explicou.
O valor da passagem não terá alteração. Mas, nestes primeiros dez dias de operação, o transporte de passageiros será gratuito. “Os ônibus estão circulando de graça em todas as linhas por cerca de dez dias para que a  população conheça os novos ônibus”, destaca a secretária de Governo, Ione Rodrigues Santos, durante coletiva com a imprensa nesta sexta-feira. “A gente, então, convida a  população para que venha conhecer este novo modelo de transporte público coletivo em Rondonópolis”. 

Veja Mais:  Justiça manda apagar perfis 'fakes' de José Carlos do Pátio

Ela ressaltou que ônibus irão circular nas  linhas que eram operacionalizadas pela Cidade de Pedra, que vinha operando com 29 ônibus. Porém, com uma frequência maior, já que terá mais ônibus nas ruas. “Assim, os usuários deverão ficar menos tempo esperando”, disse Ione.
Primeiro presidente da Autarquia, o secretário municipal de Infraestrutura, Vinicius  Amoroso, informou  durante a coletiva que a pasta, em parceria com a AMTC, já realizou estudo para a implantação de novas rotas e de faixas exclusivas em diversas vias para dar mais agilidade na circulação dos ônibus pela cidade e diminua o tempo de espera dos usuários. “As faixa somam cerca de 25 quilômetros de extensão e já foram licitadas”, revelou.

DIA HISTÓRICO

Rondonópolis vive um dia histórico nesta sexta-feira, 1º de julho.  Nas primeiras horas da manhã iniciou as operações nas ruas dos 50 ônibus do sistema de transporte público da cidade pela Autarquia Municipal do Transporte Coletivo (AMTC). Também, um sonho antigo dos moradores da Vila Operária, região mais populosa da cidade, tornou-se realidade logo no início da manhã: a entrega da recuperação do espaço do antigo Centro Social Urbano (CSU), no Jardim Sumaré, que foi responsável por transformar a trajetória de crianças, adolescentes e jovens nos anos 80 e 90 (Saiba mais). Além disso, o prefeito José Carlos do Pátio se dirigiu para Cuiabá para assinar com o governo do Estado novos convênios para realização de obras de infraestrutura importante para o desenvolvimento da cidade. 

Veja Mais:  Sanear realiza obra para melhorar abastecimento na região do Jardim Atlântico

Fonte: Prefeitura de Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana