Política MT

Professor Allan destaca cultura, serviço público e reedição de obras com Centenário de Lenine Póvoas

Publicado

Foto: Ronaldo Mazza

Um homem que já foi praticamente de tudo na vida pública e na versão de homem intelectual na essência. Assim foi Lenine de Campos Póvoas. Para comemorar o centenário do professor, escritor, advogado, jornalista e historiador, serão reeditadas 12 obras impressas e 9 digitais.

Filho de dois professores, Nilo Póvoas e Rosa de Campos Póvoas, ele seguiu como uma das carreiras a mesma do pai e da mãe: professor secundarista e de Direito da UFMT. 

Pela relevância do homenageado, o deputado Professor Allan Kardec (PSB-MT) e o Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso (IHGMT) fizeram na terça-feira (7/6), na sede do instituto, o lançamento da “Revista nº 83 do IHGMT” e o anúncio do contrato sobre a reedição das suas obras para comemorar seu centenário. O deputado coordena o centenário do homenageado pelo IHGMT.

O Instituto Memória Poder Legislativo (IMPL), parceiro também nas atividades das comemorações, em breve vai ter o nome de Deputado Lenine de Campos Póvoas. 

Lenine é pai dos odontólogos Aloisio e Eduardo Póvoas e da atual presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desembargadora Maria Helena Póvoas, a primeira mulher eleita para a função.

Homenagens

O evento em comemoração ao centenário e a publicação do número 83 da revista do IHGMT em homenagem ao Lenine Póvoas é da responsabilidade da presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso, jornalista, historiadora e escritora Neila Barreto. 

Veja Mais:  Deputado cobra retomada imediata de transplantes em MT

“Lenine deixou-nos um conhecimento incomparável. Com valor para a política, a administração pública, a história e a cultura mato-grossense”, afirma Neila. “Conheci ele jovem. Ele morava na avenida Getúlio Vargas e eu na rua 24 de Outubro. Fui aluna dele quando era aluna do Liceu Cuiabano”, revela sobre a partilha da sabedoria do homenageado.

Já a responsável pela família para a edição das obras do homenageado é a historiadora, biógrafa e escritora Maria Teresa Carracedo, proprietária da editora Entrelinhas. Ela destacou a superação de todos diante da pandemia para a tramitação dos procedimentos e fazer a homenagem.

“O projeto, a ideia é da Neila Barreto, que pensou e lutou por isso. E na Assembleia Legislativa, do deputado Allan, que foi incansável. A gente deve muito a ele por esse momento aqui”, destacou Maria Teresa Carracedo. Ela mencionou o livro de Lenine Póvoas “O caos brasileiro”, de 1988, como “uma obra extremamente atual”. 

‘Farol para todos nós’

“O professor e deputado Lenine Póvoas é um dos homens iluminados de Mato Grosso. Um farol para todos nós, especialmente a todos nós do serviço público”, destaca o Professor Allan Kardec, sobre a relação de cargos que o homenageado ocupou. 

“Homem que teve todas as oportunidades do mundo para se enriquecer sob a tutela de um homem do mundo estatal. E ficou firme e forte com sua verdade, integridade, honestidade. Foi vice-governador, convidado a assumir o posto de governador, ele não aceitou. Preferiu, se fosse necessário, a renúncia”, contou o deputado.

Veja Mais:  Deputado João Batista realiza visita técnica em corixos de Barão de Melgaço

A presidente do TJMT agradeceu na cerimônia a homenagem ao pai e destacou o privilégio da sua convivência com ele. “Este é um tributo à história mato-grossense. Meu pai sempre foi um admirador, pesquisador, amante da sua terra. Nós ouvíamos, à mesa das refeições, muitos causos”, relata.

Ela mencionou algumas características do pai e dos seus recordes como intelectual e cidadão. “Seus livros foram editados do próprio bolso. Aos 23 anos de idade ofertou à sociedade o seu primeiro livro”, disse.

Três anos depois, aos 26 anos, se elegeu deputado estadual. “Ele se elegeu a primeira vez deputado constituinte em 1947e se reelegeu”, conta. “Falo do homem cidadão, do pai, calmo. Que transmitia sua paz, serenidade, sua transparência”, afirma a desembargadora Maria Helena Póvoas.

Serviço público, cultura e história

“Doutor Lenine de Campos Póvoas era portador de cultura multifacetada”. O relato está na crônica do perfil do homenageado no “Diário de Cuiabá” e em livros do jornalista e procurador de Justiça aposentado, Evaldo Duarte de Barros.

No setor público, o homenageado foi deputado em duas legislaturas na Assembleia Legislativa (ALMT): 1947-1950 (constituinte) e 1951-1954, fundador e ministro (conselheiro) do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT), diretor de estatais, como a Metamat, secretário de Estado da Administração, da Casa Civil e vice-governador, lembra Evaldo de Barros.

Veja Mais:  Delegado Claudinei defende a isenção de tributos para aquisição de armas de fogo para segurança pública de MT

Lenine Póvoas foi ainda membro do IHGMT e de instituições culturais relevantes, como Academia Mato-grossense de Letras (presidente por 10 anos), Academia de Letras de Brasília, Paulistana da História e de outras organizações idênticas nos Estados do Mato Grosso do Sul, do Maranhão e Espírito Santo. Além da Academia de Letras, Cultura e Artes do Centro-Oeste.

A comemoração do Centenário de Lenine Póvoas seria feita no dia 4 de julho de 2021, mas atrasou devido às restrições da pandemia de covid-19. Ele faleceu em 29 de janeiro de 2003. Em vida, escreveu e publicou 26 livros, além de artigos para outras publicações e para a Imprensa.

Obras a serem reeditadas

12 obras impressas e 9 digitais

“Mato Grosso, um convite à fortuna”, 1977

“Sobrados e casas senhoriais de Cuiabá”, 1980

“Influências do rio da Prata em Mato Grosso”, 1982

“Cuiabá de outrora”, 1983

“Reminiscências”, 1987

“O caos brasileiro”, 1988

“Os italianos em Mato Grosso”, 1989

“Síntese da história de Mato Grosso”, 1992

“História da cultura mato-grossense”, 1994

“O ciclo do açúcar e a política de Mato Grosso”, 1983, prefaciado pelo sociólogo e historiador Gilberto Freyre 

“História geral de Mato Grosso, dos primórdios à queda dos impérios – volume 1”, 1995

“História de Mato Grosso, da Proclamação da República aos dias atuais – volume 2”, 1996

Fonte: ALMT

Comentários Facebook

Política MT

Deputado defende candidatura de Percival Muniz ao Governo do Estado

Publicado

Foto: Assessoria

O deputado Lúdio Cabral (PT), disse ao Portal ODocumento na manhã desta quarta-feira (29), que o ex-prefeito de Rondonópolis, Percival Muniz (MDB), é um quadro qualificado para enfrentar o governador Mauro Mendes (União Brasil), nas urnas este ano. Lúdio adiantou que não tem conhecimento de uma articulação nacional neste sentido, mas destacou que o ex-prefeito tem compromisso com a candidatura do ex-presidente Lula da Silva.

“Não sei dizer se está acontecendo alguma articulação nesse sentido. O que eu posso dizer é que o Percival é um quadro qualificadíssimo, fez bons mandatos na prefeitura de Rondonópolis, é um político experiente e tem compromisso com a candidatura do Lula. Isso é fato. Ele tem uma leitura muito crítica sobre a realidade e o destino de Mato Grosso”, afirmou.

Conforme Lúdio Cabral, o maior problema de uma provável candidatura de Muniz pela federação do PT, PV e PCdoB, está no fato de o ex-prefeito ser do MDB. “Onde está o problema (?), o Percival está filiado ao MDB. Será que o MDB terá a capacidade de fazer autocrítica sobre a traição ao projeto do PT, no golpe da Dilma, e ao fazer a autocrítica se redimir apoiando o Lula? Então essa que é a equação que precisa ser resolvida”, disse o parlamentar petista.

“Outro detalhe – acrescentou Lúdio -, é que o MDB está base do atual governador e para mim está claro que nós precisamos apresentar um projeto para disputar o Governo do Estado”, ao recordar que o ex-prefeito de Rondonópolis “participou das primeiras discussões que tiveram no Estado para discutir um palanque para a candidatura do Lula. Na época, ele se colocava, inclusive,  à disposição para disputar o governo”. Por conta disso – arrematou – “nós temos o dever de ter um nome para enfrentar o governador Mauro Mendes”.

Veja Mais:  Sesp realizou o fechamento de 12 cadeias públicas em MT

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Claudinei é o deputado que mais destina recursos para a Polícia Civil, aponta relatório da Sesp

Publicado

Conhecido pela defesa das pautas da Segurança Pública, Claudinei já destinou quase R$ 4 milhões em emendas à PJC

Foto: Assessoria

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) divulgou um informe detalhado sobre os repasses recebidos entre os anos de 2020 e 2021. Ao todo, foram R$ 134,2 milhões em repasses, sendo pouco mais de R$ 23 milhões (15% do total) provenientes de emendas parlamentares estaduais.

O deputado Delegado Claudinei (PL), conhecido como o deputado da Segurança Pública, foi o parlamentar que mais destinou emendas para a Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC) durante o período detalhado pela Sesp. Foram R$ 3,7 milhões destinados e investidos na compra de caminhão, confecção de novos distintivos e carteiras funcionais, entre outras finalidades.

“São quase R$ 4 milhões em emendas parlamentares investidas na Segurança Pública de Mato Grosso em dois anos e vamos continuar com nosso compromisso. Para 2023, já serão destinados quase R$ 3 milhões para a aquisição de 15 caminhonetes descaracterizadas para os trabalhos da Polícia Civil nos 15 polos regionais do estado”, afirmou o deputado.

Além das emendas, o delegado tem trabalhado com afinco na Assembleia Legislativa na defesa dos interesses dos servidores como na luta pelo pagamento da RGA de 2018 e pela nomeação de concursados.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Veja Mais:  Botelho entrega título de cidadão mato-grossense para ministro Dias Toffoli
Continue lendo

Política MT

Thiago Silva entrega equipamentos para Delegacia da Mulher em Rondonópolis

Publicado

Os aparelhos vão contribuir no avanço das investigações de crimes de violência nas esferas da polícia civil e judiciário

Thiago Silva destinou R$ 100 mil em emenda parlamentar

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) realizou a entrega de equipamentos comprados com emenda no valor de R$ 100 mil, nesta terça-feira (28), à Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Rondonópolis. Esse benefício vai dar agilidade nas investigações de crimes de violência, por meio de escuta especializada com as vítimas, que será acompanhado no âmbito da Polícia Civil e do Poder Judiciário.

Os aparelhos adquiridos para a instituição foram computadores e escutas especial que permitirão registrar os relatos das denunciantes que farão um depoimento sobre a situação de violência sofrida, sem o propósito de produzir provas para o processo penal e administrativo disciplinar, mas, sim, para evitar que a vítima tenha que ser ouvida mais de uma vez e reviva todo o ocorrido.

Entrega

Para Thiago Silva que é presidente da Comissão de Direitos Humanos, Defesa dos Direitos da Mulher, Cidadania e Amparo à Criança, Adolescente e Idoso da Assembleia Legislativa de Mato Grosso essa é uma melhoria importante dentro da Polícia Civil para esse grupo que está em uma situação vulnerável e fragilizado diante de uma situação enfrentada com a violência sofrida.

“Só tenho que comemorar a compra de mais equipamentos para dar celeridade no atendimento às mulheres vítimas de violência. Para mim é uma alegria contribuir com equipamentos tecnológicos, como computadores e escutas que serão importantes para dar celeridade ao trabalho dos servidores. Nosso objetivo é dinamizar e humanizar o atendimento, fortalecer as políticas públicas em prol do combate à violência das mulheres de Rondonópolis e de todo Mato Grosso”, declarou o parlamentar.

Veja Mais:  Deputado João Batista realiza visita técnica em corixos de Barão de Melgaço

A advogada Neuzimar Magalhães reconheceu a iniciativa de Thiago em contribuir com a segurança pública de Rondonópolis. “Enquanto mulher e representante da Comissão dos Direitos da Mulher da OAB Rondonópolis, parabenizo o nobre deputado por mais essa importante ação em defesa das mulheres vítimas de feminicídio em Mato Grosso”, explanou.

Solução

De acordo com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil da Seccional Mato Grosso (OAB-MT), Bruno Castro, esses equipamentos são a demonstração de um importante avanço para a Polícia Civil de Mato Grosso, pois vai proporcionar uma melhor estruturação para a instituição, pois vão poder cumprir todas as obrigações necessárias na parte da investigação.

“Sem contar que vai evitar a reiteração de atos, em que a vítima tinha que ser ouvida mais de vez, quando há dúvidas. E com esses equipamentos vai minimizar e, principalmente, onde o foco é a vítima e evitar essa revitimização, pois a vítima já é vítima por si só e se torna vítima do sistema na hora de dar um depoimento na esfera judicial ou policial. A ideia é minimizar essa situação”, pontuou Castro.

Segundo o delegado titular da DEDM, Fernando Fleury, a chegada destes equipamentos de alta tecnologia vai ser essencial para os trabalhos de apuração na defesa das mulheres, já que há um grande número de vítimas de violência doméstica. “Para nós a chegada dos aparelhos é uma realização e mostra que o nosso trabalho está sendo percebido e reconhecido”, salientou.

Veja Mais:  Dirigentes de clubes destacam projeto que incentiva o futebol feminino e times das séries C e D

Lei – A defesa da mulher e o empoderamento feminino são umas das principais pautas da atuação do deputado Thiago Silva na Assembleia Legislativa. Tanto que ele é o autor da Lei de n.° 11.061/2019 que cria a Delegacia da Mulher em Mato Grosso 24h para o atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica e da Lei de n.° 11.810/2022 que cria o Dia de Combate à Violência contra a Mulher e ao Feminicídio no estado de Mato Grosso.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp – Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana