Nacional

Sorte Acelerada: campanha de combate ao câncer infantojuvenil premiará doador com R$ 40 mil

Publicado

Ação vai sortear vale-compra de R$ 40 mil e apoiará projetos por todo o Brasil

Que tal começar o ano fazendo o bem e ainda concorrer a chance de mudar de vida? Ao participar da campanha Sorte Acelerada, com apenas R$ 15,00, você adquire um cupom, concorre ao prêmio de R$ 40 mil e ainda ajuda uma das 29 instituições que atuam com oncologia pediátrica no Brasil. Essa é a sua chance de chegar mais próximo dos seus sonhos e ainda ajudar tantas famílias que precisam.

O grande sorteio, que premiará um doador e arrecada fundos para o combate à doença que mais mata brasileiros entre 1 e 19 anos segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), será no dia 30/04/2022, pela Loteria Federal.

“A cada hora, surge um novo caso de câncer em crianças e adolescentes no Brasil. Trabalhamos incansavelmente, através de nossos programas e projetos, para oferecer finais felizes às histórias de nossos pequenos pacientes, levando-os ao diagnóstico, tratamento, e cura da doença”, explica Bianca Provedel, Diretora Executiva do Instituto Ronald McDonald, ONG que desenvolveu à campanha.

Em parceria com a BeeVale e a ARFRIO S/A, a campanha Sorte Acelerada disponibiliza a compra de seus cupons online, e para participar é possível comprar sem sair de casa através do link. “Cada cupom é importante. Com esses recursos, seremos capazes de transformar muitas vidas”, conclui Bianca.

Veja Mais:  Comissão adia votação de proposta que legaliza cultivo de Cannabis para fins medicinais

A campanha, que teve início no ano passado, já sorteou dois prêmios nos valores de R$ 10 e R$ 20 mil. Não vai ficar fora, né? Essa é a sua chance de ganhar o maior prêmio da Sorte Acelerada.

Instituições participantes

A primeira edição da campanha Sorte Acelerada conta com a participação de 30 instituições que atuam com oncologia pediátrica em todo o país: CRM BELEM, CAPE, CRM CAMPINAS, APP, UOPECCAN, HCF, CRM JAHU, ADA, FRMJR, GACC AM, SCM, AAPCMR, AMO, HRCPP, NACC, GACC RBP, HMG, CRM ABC, GRAACC, ITACI, FUNFARME, RFCC PI, OASIS, ACACCI, CRM ITAQUERA, HSVP, FS, IRM, APALA, AACC-MT

Sobre o Instituto Ronald McDonald

Organização sem fins lucrativos, o Instituto Ronald McDonald (IRM) há quase 23 anos atua para propiciar saúde e qualidade de vida de crianças e jovens e aumentar as chances de cura do câncer infantojuvenil no Brasil. Para atingir esse objetivo, o Instituto Ronald McDonald trabalha promovendo a estruturação de hospitais especializados, a hospedagem para famílias que residem longe dos hospitais, a capacita profissionais de saúde para realizarem o diagnóstico precoce, incentiva a adesão a protocolos clínicos e promove disseminação de conhecimento sobre a causa. A ONG faz parte do sistema beneficente global Ronald McDonald House Charities (RMHC), presente em mais de 60 países, coordenando os programas globais: Casa Ronald McDonald, voltado para a hospedagem, transporte e alimentação dos pacientes; e o Programa Espaço da Família Ronald McDonald, que torna menos desgastante o dia a dia das famílias durante o tratamento. No Brasil, há ainda outros dois programas locais: Atenção Integral e Diagnóstico Precoce, com ações específicas de combate ao câncer infantojuvenil. O Instituto conta com o apoio de diversas empresas e pessoas físicas para desenvolver e manter seus programas. Saiba mais sobre os programas e as instituições beneficiadas no site.

Veja Mais:  “É uma grande coincidência”, afirma Damares após mudanças na Comissão de Mortos

Entre no grupo do whatsapp Clique aqui para entrar no grupo do Portal MT no Whatsapp

Comentários Facebook

Nacional

Palmeiras é eleito o melhor do mundo, título inédito para o país

Publicado

Foto: Cesar Greco

O Mundial de Clubes da FIFA só começa no dia 3 de fevereiro, mas o Palmeiras já pode dizer que é o melhor time do planeta. Isto porque a Federação Internacional de Histórias e Estatísticas do Futebol (IFFHS, sigla em inglês) elegeu o Alviverde como o vencedor do ranking de 2021. Em 16 edições, esta foi a primeira vez que um clube brasileiro conquistou o prêmio.

Em 2020, o Palmeiras tinha ficado na segunda colocação, atrás do Bayern de Munique. O maior vencedor é o Barcelona (cinco vezes), seguido de Real Madrid (quatro) e Liverpool (três). Manchester United, Sevilla, Milan, Inter de Milão e Juventus levaram duas vezes. Roma, Ajax, PSG, Valencia, Atlético de Madrid e Atlético Club Nacional foram eleitos em uma oportunidade.

De acordo com a entidade, o ranking pretende estabelecer qual a equipe mais forte do mundo entre todas as competições, nacionais e internacionais. O resultado é definido pela soma de todos os pontos em cada competição, de janeiro a dezembro. O Palmeiras venceu duas Libertadores em 2021, a da edição de 2020, contra o Santos, no Maracanã, e a edição 2021, contra o Flamengo, em Montevidéu. Além disso, também levantou a Copa do Brasil de 2020, com final disputada contra o Grêmio em março de 2021.

Além do Palmeiras, outros brasileiros aparecem entre os primeiros da lista. O Atlético-MG, campeão brasileiro e da Copa do Brasil, foi o segundo colocado. O poderoso Manchester City, de Pep Guardiola, ficou em terceiro. Chelsea e Flamengo empataram na quarta posição. Destaque também para o Athletico-PR, que conquistou a Copa Sul-Americana e terminou na décima colocação. Confira o ranking completo da IFFHS.

Veja Mais:  Protesto em Paris que criticou doações à Notre-Dame tem mais de 100 presos

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Presidente visita Suriname para negociar acordos bilaterais

Publicado

O presidente da República, Jair Bolsonaro, está no Suriname, em visita oficial, para tratar com o presidente do país vizinho, Chandrikapersad Santokhi, de acordos bilaterais em áreas como energia, infraestrutura, segurança e defesa. O avião com o presidente pousou na capital, Paramaribo, por volta das 13 h. Após ser recepcionado, Bolsonaro se deslocou para o palácio presidencial onde participa de um almoço com Santokhi e o presidente da Guiana, Irfaan Ali. Na ocasião, os três chefes de Estado vão discutir projetos de interesse comum.

Além das questões na área de energia e infraestrutura, os líderes também devem discutir agendas nas áreas de comércio, investimentos, segurança, defesa, cooperação técnica e questões da pauta regional. Amanhã (21), Bolsonaro fará uma visita à capital da Guiana, Georgetown.

“A viagem presidencial ocorre no contexto do fortalecimento das relações bilaterais, em cenário de retomada do diálogo estratégico entre os governos e de perspectivas de maior desenvolvimento econômico e social no Suriname e na Guiana, impulsionado pelas descobertas recentes de petróleo e gás”, informou o Ministério das Relações Exteriores.

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Edição: Fábio Massalli

Comentários Facebook
Veja Mais:  FHC pede perfil conciliador a Lula e que “não volte com fundamentalismos”
Continue lendo

Nacional

Anvisa libera CoronaVac para crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos

Publicado

 Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta quinta-feira (20) a aplicação do imunizante CoronaVac em crianças e adolescentes com idade entre 6 e 17 anos – exceto em casos de menores imunossuprimidos (com baixa imunidade). A decisão foi tomada durante reunião extraordinária da diretoria colegiada.

Crianças e adolescentes com comorbidades também poderão receber a vacina, que será aplicada em duas doses, com intervalo de 28 dias. A vacina é a mesma utilizada atualmente na imunização de adultos, sem nenhum tipo de adaptação para uma versão pediátrica.

A decisão foi unânime. Ao todo, cinco diretores votaram a favor da liberação: Meiruze Sousa Freitas, Alex Machado Campos, Rômison Rodrigues Mota, Cristiane Rose Jourdan e o próprio diretor-presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres.

Por meio das redes sociais, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, comentou a aprovação do uso emergencial da CoronaVac para a faixa etária de 6 a 17 anos. “Todas as vacinas autorizadas pela Anvisa são consideradas para a PNO [Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19]. Aguardamos o inteiro da decisão e sua publicação no DOU”, disse, em sua conta no Twitter.

Butantan

Por meio de nota, o Instituto Butantan, fabricante da CoronaVac em parceria com a biofarmacêutica chinesa Sinovac, informou que a autorização ocorreu após avaliação de pedido enviado à Anvisa no dia 15 de dezembro, embasado em estudos de segurança e resposta imunológica vindos de países como Chile, China, África do Sul, Tailândia e também do Brasil.

Veja Mais:  Ministro diz que governo vai aperfeiçoar Inpe: “vamos reduzir o desmatamento”

“A CoronaVac é cientificamente comprovada como a vacina mais segura e com menos efeitos adversos, além de ser a vacina mais utilizada em todo o mundo, com mais de 211 milhões de doses administradas no público infantil e juvenil (de 3 a 17 anos) somente na China”, destacou o comunicado. “O Instituto Butantan, que há 120 anos trabalha a serviço da vida, está preparado para fazer parte de mais esta batalha para derrotar o vírus da covid-19 no país”, concluiu a nota.

Matéria alterada às 15h04 para acréscimo de informação.

Edição: Paula Laboissière

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Portal MT e receba notícias em tempo real

Comentários Facebook
Continue lendo

ALMT – Campanha Fake News II

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana