conecte-se conosco
Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262


Policial

Polícia Civil indicia estudante por atuar ilegalmente como nutricionista

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um estudante de nutrição que exercia a profissão sem a devida habilitação será indiciado pela Polícia Civil, por ter a atuação ilegal identificada em investigações da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon). O estudante, A.L.O.S., 23, é aluno do oitavo semestre do curso de nutrição na Universidade de Sinop (Fasipe), e se passava por nutricionista como fosse formado para a função.

As investigações iniciaram após uma denúncia recebida pelo Conselho Regional de Nutricionista da 1ª Região, de que o jovem estava exercendo ilegalmente a profissão, uma vez que ainda era acadêmico do curso de nutrição. Segundo a denúncia, o estudante utilizava redes sociais para fazer propaganda dos seus serviços e realizava atendimentos em uma academia no bairro Boa Esperança.

Diante da denúncia, a equipe da Decon foi a academia, onde não localizou o falso nutricionista. Após contato telefônico, o suspeito compareceu a Delegacia, onde formalmente ouvido pelo delegado Antônio Carlos de Araújo, alegou que foi contratado como estagiário em 2018 por uma nutricionista formada que alugava uma sala no interior da academia.

De acordo com o investigado, a sua função era fazer a triagem dos pacientes (anamnese, avaliação física), quase em todas ocasiões acompanhado da nutricionista. O estudante disse que deixou de atuar como estagiário em dezembro de 2018, quando a nutricionista deixou a sala na academia, porém ele permaneceu como cliente do estabelecimento até maio deste ano.

Veja Mais:  Força Tática detém dupla que furtava peças de veículos em Tangará da Serra

Nas redes sociais, o jovem fazia postagem do atendimento dos pacientes no consultório, assim como publicações, incentivando novos clientes a marcarem consultas.

Segundo o delegado, Antônio Carlos de Araújo, o estudante será indiciado por exercício ilegal da profissão previsto no artigo. 47 da Lei das Contravenções Penais (exercer profissão ou atividade econômica ou anunciar que a exerce, sem as condições a que por lei está subordinado o seu exercício).

O delegado lembra que a Decon trabalha e auxilia praticamente quase todos os Conselhos Regionais de Profissão.

 

 

 

Comentários Facebook

Policial

Durante ronda e por denúncia, PM captura seis foragidos da justiça em Rondonópolis

Publicado


.

Policiais militares do 5º BPM e equipes da Força Tática de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá) capturaram de sexta-feira a domingo (29 a 31.05), seis foragidos da justiça.

Na área central, os agentes realizavam ronda quando abordaram um homem e encontrado em seu nome um mandado aberto por furto.

No bairro Vila Canaã, a equipe da 14ª Companhia Força Tática encontrou dois mandados abertos no nome de um homem durante sua abordagem. Os documentos foram expedidos pelas varas criminais de Guiratinga e Rondonópolis, ambas por roubo.

Também na área central, os policiais estavam em ronda quando perceberam um cidadão na Praça Brasil. Foi iniciada a abordagem e constou ser foragido da justiça pelo crime de roubo.

No bairro Jardim Santa Marta, os militares atendiam uma ocorrência de acidente de trânsito. Na consulta do nome de um dos envolvidos, encontrado mandado aberto por furto.

No residencial Buriti, a denúncia descrevia que um homem estaria traficando droga próximo de uma escola. No local, os policiais encontraram o denunciado que é foragido da justiça por tráfico de droga. Ele carregava três porções de maconha.

No Parque Universitário, o foragido vinha sendo monitorado e com a localização da casa, ele foi capturado. O mandado aberto foi expedido pela 4ª Vara Criminal da cidade, mas em detalhes do crime.

Veja Mais:  Polícias Civil e Militar apreendem 50 quilos de entorpecentes em Alta Floresta

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

OPERAÇÃO TAMOIO: PRF combate crime ambiental em Jangada/MT

Publicado


.

Diversos galões, mangueiras além de um equipamento para retirada de combustível foram encontrados no local

Aproximadamente 2.350 litros de óleo diesel e um dispositivo utilizado para retirada do combustível de veículos de carga foram aprendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na tarde desse domingo (31), em Jangada/MT.

Durante ação de combate ao crime pela Operação Tamoio, a equipe da PRF que fiscalizava na BR-364, em Jangada, recebeu denúncias de que haveria comércio ilegal de combustível na região. Ao chegar ao local, a os PRFs observaram indícios de crime ambiental em uma borracharia, como óleo diesel no chão.

Um homem se identificou como responsável pela borracharia e acompanhou as fiscalizações. Os policiais encontraram diversos galões vazios, que segundo o responsável pela borracharia, pertenciam a outro homem, o qual estava sumido desde o dia 21 de maio.

Em buscas adentrando a mata, pelos fundos da borracharia, foram encontrados 3 tambores com aproximadamente 200 litros de combustível em cada e dois reservatórios com aproximadamente 900 litros. No local onde estavam armazenados os galões havia uma grande mancha no solo, possivelmente causada pelo vazamento do combustível. Também foram encontradas mangueiras e um acessório conhecido como “chupa-cabra”.

A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Civil de Rosário Oeste/MT.

SECOM PRF MT

Fonte: PRF MT
Veja Mais:  Durante ronda e por denúncia, PM captura seis foragidos da justiça em Rondonópolis

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícias Civil e Militar apreendem 50 quilos de entorpecentes em Alta Floresta

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

 

Mais de 50 quilos de entorpecentes, entre maconha e pasta base de cocaína, foram apreendidos no domingo (31.05) em uma ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Militar de Alta Floresta (803 km ao Norte de Cuiabá). A ação foi realizada pela Divisão de Repressão a Entorpecentes e Força Tática do 8º Batalhão da Polícia Militar.

Três pessoas, entre elas um menor de idade, foram detidos e responderão por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

A ação aconteceu durante investigações do tráfico de drogas no município realizadas pela Polícia Civil tendo como alvo uma organização criminosa envolvida em diversos crimes. Após o levantamento de informações foi possível identificar e prender um homem que estava transportando entorpecentes no  bairro Vila Nova.

Após a prisão do primeiro suspeito, as equipes iniciaram novas diligências conseguindo chegar a outro integrante do grupo criminoso que estava transportando uma quantidade ainda maior de entorpecentes em um Fiat Palio. Na abordagem, foi encontrado no porta-malas do veículo vários tabletes de maconha.

Em continuidade aos trabalhos, os policiais foram até um imóvel que era utilizado pela organização criminosa onde foram encontradas três latas com plantas de maconha, recém plantadas, além de outras peças de pasta base de cocaína já fracionadas para comercialização e uma espingarda.

Veja Mais:  Criminosos explodem caixas eletrônicos de banco durante a madrugada em Guiratinga

Diante dos evidências, os dois suspeitos e mais um adolescente que estava na companhia deles foram conduzidos à Delegacia de Alta Floresta, onde após serem interrogados foi lavrado o flagrante. Os maiores de idade foram autuados por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores e o adolescente responderá pelo ato infracional de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Câmara Municipal de Rondonópolis

Rondonópolis

Polícia

Esportes

Famosos

Mais Lidas da Semana